gngnfsnfhnsf
Futebol Brasileirão

Denir, massagista do Flamengo, morre ao 75 anos

O primeiro dia do ano não trouxe uma notícia feliz para a torcida do Flamengo. Denir, massagista do clube de 75 anos, faleceu nesta segunda-feira (1). O profissional trabalhava no clube há 42 anos e passou os últimos anos lutando contra um câncer desde 2022.

Em setembro daquele ano, ele recebeu o diagnóstico da doença. Na ocasião, ele passou mal durante a realização do seu trabalho e foi encaminhado para um hospital do Rio de Janeiro.

Logo após isso, ele realizou uma operação para a retirada de um tumor e passou alguns dias no Centro de Tratamento Intensivo (CTI) antes de continuar o tratamento.

Todo o departamento médico do Rubro-Negro acompanhava de perto todo os momentos da recuperação de Denir.

Denir visitou o Centro de Treinamento do Flamengo em março de 2023. Na visita, ele foi bastante homenageado por jogadores e recebeu bastante carinho do atacante Gabriel Barbosa, no qual tinha uma relação de muito afeto.

Veja a nota divulgada pelo Flamengo

“Hoje, o Flamengo chora. Perdemos um dos nossos. Adenir Silva, o nosso Deni, nos deixou aos 75 anos.

Um pilar de nossos valores, um símbolo máximo do rubro-negrismo, um griô em vermelho e preto. Poucas são as palavras capazes de definir um homem que se tornou ídolo da Maior Torcida do Mundo sem jamais ter entrado em campo como atleta do clube.

Desde 26 de outubro de 1981 – até a eternidade -, o Flamengo foi e é Deni. Por 42 anos, dois meses e cinco dias, o Manto Sagrado foi cuidado com o capricho, a altivez e a sabedoria de um guardião apaixonado por nossas cores e por quem somos.”

(Foto: Reprodução)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *