Rodrigo Muniz
Futebol Premier League

Ex-Flamengo, Rodrigo Muniz entra na mira de grandes clubes da Inglaterra

O atacante Rodrigo Muniz fez uma bela temporada pelo Fulham, depois de ter conseguido espaço no time titular de Marco Silva. Segundo as informações do GOAL, nesta segunda-feira (3), o brasileiro despertou o interesse de alguns clubes ingleses, especificamente de Londres. Com os Cottagers sendo da capital inglesa, Chelsea e Tottenham consultam sobre o centroavante ex-Flamengo.

A campanha de 2023/24 foi importantíssima para subir a régua de Muniz, que agora é visto como um bom atacante do Campeonato Inglês. Depois de ter tido o seu nome atrelado numa possível volta ao Brasil, com Grêmio, Palmeiras e Atlético-MG na jogada, ele conseguiu segurar as pontas e aproveitar as oportunidades dadas a ele.

Tanto o Chelsea quanto o Tottenham procuram por peças que auxiliem na referência do ataque. Com a saída de Harry Kane, os Spurs tiveram Richarlison e Heung-Min Son fazendo esse papel, algo que não deu muito certo para o time de Ange Postecoglou. O sul-coreano não gostava de atuar na posição, enquanto o brasileiro sofreu com diversas lesões.

Já no Stamford Bridge, a situação foi mais complicada, porque o Chelsea contratou atletas para fazerem essa posição, mas não foi da maneira como imaginavam. Apesar de Nicolas Jackson ter feito seus gols, a qualidade imposta por ele ficou aquém do esperado, principalmente pelo alto valor investido pelo jovem atacante.

Impacto de Rodrigo Muniz

O atacante Rodrigo Muniz tem vivido um momento interessantíssimo, com nove gols marcados nos últimos 16 jogos disputados do Fulham. Todos feitos na Premier League, ainda deu uma assistência nesse período, sem esquecer da presença de um hat-trick contra os Spurs, momento que pode ter conquistado os olhos de Daniel Levy.

Depois de ter pensado em vender Rodrigo Muniz pelo valor de 8 milhões de euros para interessados brasileiros, o Fulham pode dar adeus ao seu brasileiro, caso as equipes londrinas coloquem um valor entre 30 e 40 milhões de euros em sua mesa, para tirá-lo do Cottagers.

Foto: Getty Images

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *