Gerson Flamengo
Futebol Brasileirão

Gerson marca cirurgia para tratar hidronefrose e está cortado do Campeonato Carioca

O atacante do Flamengo, Gerson, está oficialmente cortado da relação de atletas da equipe rubro-negra no Campeonato Carioca de 2024. O jogador de 26 anos, apresentou fortes dores abdominais no último domingo (18), e foi internado em um hospital particular da Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro, onde esteve durante três dias sob observação.

No período de estadia no hospital, Gerson foi submetido a exames para verificar seu estado de saúde, e foi diagnosticado com hidronefrose renal, doença a qual medicamentos não foram suficientes para a recuperação do atleta rubro-negro. Uma cirurgia acabou marcada para esta semana e devido ao procedimento, irá tirar o jogador da reta final do campeonato estadual e do início da Libertadores, podendo voltar aos gramados somente durante o Brasileirão.

O que é hidronefrose e quais são seus sintomas?

A hidronefrose diagnosticada em Gerson, é a dilatação do rim causada pela obstrução ou bloqueio da passagem da urina em algum ponto de via urinária corporal. O inchaço acontece a partir da bexiga não receber a urina e esta se acumular no rim, prejudicando o seu funcionamento normal.

A infecção é uma condição secundária que pode decorrer de uma complicação inicial, porém, caso não seja tratada devidamente, pode paralisar um ou os dois rins. Os principais sintomas são:

  • Dor no abdômen, flanco e lombar;
  • Mal-estar e fraqueza;
  • Náuseas;
  • Sangue na urina;
  • Vômito;
  • Febre (em casos de infecção do trato urinário).

Sempre que se identificar um ou mais sintomas dentre os citados, o mais recomendado a se fazer é procurar o auxílio de um especialista, como por exemplo, um urologista, um ginecologista, ou um nefrologista. Exames para identificar a infecção renal a curto prazo como no caso de Gerson, volante do Flamengo, são necessários para evitar efeitos maiores em casos como por exemplo:

  • Estreitamento do ureter;
  • Estenose da junção ureteropélvica;
  • Tumores;
  • Refluxo vesicoureteral;
  • Aumento benigno da próstata (no homem);
  • Gravidez (na mulher).

A hidronefrose possui tratamento por meio de medicação e cirurgia em caso de não darem o efeito necessário para evolução clínica do paciente, como aconteceu com Gerson, que passará por intervenção cirúrgica na próxima semana e desfalcará o Flamengo por tempo indeterminado. Desfalcando assim, o time também no jogo de hoje contra o Fluminense, pela penúltima rodada da primeira fase do Campeonato Carioca.

Foto: Alexandre Vidal / Flamengo. 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *