Indiana Pacers
Basquete Jogos NBA

Indiana Pacers domina, elimina o New York Knicks e se classifica

Na noite deste domingo, 19, Indiana Pacers e New York Knicks se enfrentaram no Madison Square Garden no jogo 7 da série.

Análise

Do início ao fim da partida o Indiana Pacers dominou. O New York Knicks, com várias ausências e jogadores em quadra no “sacrifício”, até tentou, mas sofreu muito com o ritmo alucinado dos adversários.

O New York Knicks não aguentou a correria e viu o placar se distanciar ainda no primeiro quarto. Enquanto isso, o Indiana Pacers “pisou nos freios” em raros momentos do jogo, contando bastante com o desempenho dos seus principais jogadores.

Em poucas oportunidades os Knicks viram a diferença ficar menor do que 10 pontos, e quando isso acontecia, os Pacers rapidamente voltavam a pontuar e abriam novamente a liderança.

Tudo ficou pior para os Knicks quando Jalen Brunson fraturou a mão esquerda no segundo tempo, e foi aí que a classificação dos Pacers realmente se confirmou.

Os destaques da partida ficaram para Tyrese Halliburton (26 pontos, seis assistências e quatro rebotes) e Myles Turner (17 pontos, uma assistência e cinco rebotes). Do outro lado, destaque para Donte DiVincenzo (39 pontos, uma assistência e quatro rebotes) e Alec Burks (26 pontos, duas assistências e três rebotes).

Agora, o Indiana Pacers enfrentará o Boston Celtics nas Finais de Conferência, que começam na terça-feira, 21, em Boston.

Tyrese Haliburton, Indiana Pacers (Foto: Brad Penner-USA TODAY Sports)
Tyrese Haliburton, Indiana Pacers (Foto: Brad Penner-USA TODAY Sports)

O jogo

O Indiana Pacers não precisou de muito tempo para mostrar o ritmo “alucinado” que marca até aqui a sua temporada. E esse foi o ponto determinante para a equipe sair na frente no primeiro quarto. Mas o New York Knicks não deixou a vantagem abrir demais.

Haliburton mostrou logo cedo que estava bem na partida. O armador foi o grande nome da partida nos primeiros 12 minutos. Com 14 pontos, o camisa 0 ajudou os Pacers a abrir mais de 10 pontos de vantagem.

Do outro lado, Jalen Brunson tentava manter os Knicks vivos no jogo. O armador fazia quase tudo no ataque, como criar, finalizar e pontuar. E o Indiana Pacers percebeu isso.

No segundo quarto, os Pacers focaram a sua defesa em limitar as ações ofensivas de Jalen Brunson. No primeiro momento a estratégia funcionou muito bem, mas os Knicks acharam outras formas de marcar. Mesmo assim, a defesa seguiu sendo problema para os donos da casa.

Exemplo disso, foi o fato do Indiana Pacers terminar o primeiro tempo com 76% de aproveitamento de quadra, algo que não acontece na pós-temporada da NBA há 25 anos.

Após o intervalo, o New York Knicks voltou melhor, defensivamente. As mudanças no vestiário surtiram efeito logo nos primeiros minutos do terceiro quarto, com os Pacers tendo problemas. E no ataque, a equipe da casa conseguiu achar mais espaços para marcar, sem depender de um jogador apenas.

A pressão funcionou, fazendo com que a diferença diminuísse para menos de 10 pontos. Mas coube a Turner e Haliburton manterem os Pacers a uma certa distância dos Knicks no placar.

Mesmo com os Knicks melhorando em quadra, a equipe ainda pecava ao tentar se aproximar dos Pacers no marcador. Além disso, o time de Nova Iorque cometia erros infantis.

Trocas de cestas aconteceram, com o Indiana Pacers levando a melhor no duelo contra o New York Knicks, e a diferença chegou próxima aos 20 pontos. E tudo ficou pior com a saída de Jalen Brunson (lesão na mão).

Sem o seu principal jogador em quadra, a situação do New York Knicks foi de mal a pior em pouco tempo. Enquanto isso, o Indiana Pacers passou a rodar seu elenco, já pensando na próxima fase.

Alec Burks ainda tentou chamar a responsabilidade nos minutos finais, diminuindo a vantagem no placar. Isso fez com que o time titular dos Pacers voltasse à quadra, encerrando qualquer chance de um possível empate ou até mesmo uma virada milagrosa.

Fim de jogo: New York Knicks 109 x 130 Indiana Pacers (3 x 4)

(Foto: CBS Sports)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *