Newcastle Joelinton
Futebol Premier League

Joelinton desfalcará Newcastle por seis semanas

O meio-campista do Newcastle United, Joelinton, foi afastado por pelo menos seis semanas devido a uma lesão na coxa. A informação foi confirmada oficialmente pelo clube londrino nesta sexta-feira (12).

O jogador de 27 anos machucou o quadrilátero durante a vitória dos Magpies por 3 a 0 na FA Cup contra o Sunderland, no sábado. O brasileiro disputou 23 partidas nesta temporada, marcando três gols e dando assistências quatro. A equipe de Howe tem sofrido lesões até agora nesta temporada, com Joelinton se tornando o 11º jogador a ficar afastado por um longo período.

Joelinton vira desfalque de peso

“Tivemos que tentar contratá-lo. Ele é a nossa força motriz no meio-campo, é um grande golpe. Joelinton é um jogador muito importante. Ele tem um problema no tendão do quadríceps. Ele está muito decepcionado, quer jogar e se sair bem.”

O Newcastle, nono colocado na Premier League, encerrou uma péssima fase contra o rival Sunderland no Stadium of Light, quando Joelinton foi substituído aos 47 minutos. Após o jogo com o Manchester City neste final de semana, o Newcastle enfrenta o Fulham na quarta rodada da FA Cup, em 27 de janeiro.

Newcastle e as restrições financeiras

Enquanto isso, Howe disse que o clube estava sentindo a pressão das restrições do Fair Play Financeiro, depois que o Newcastle registrou uma perda de £73 milhões na temporada 2022-23.

Os Magpies foram adquiridos pelo Fundo de Investimento Público Saudita em outubro de 2021, mas o presidente-executivo, Darren Eales, alertou que eles ainda poderiam ter que vender jogadores aos seus rivais. Após uma temporada 2022/23 histórica, o Newcastle está longe da briga pelo título da Premier League e foi eliminado da UEFA Champions League precocemente.

“É uma frustração para todos os que estão ligados a nós, pois os proprietários são ambiciosos e gostariam de nos ajudar nesta fase e melhorar o plantel. Mas existem regras e são iguais para todos. É assim que as coisas são e estamos agindo da maneira que podemos.”

Imagem: Divulgação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *