Charles Leclerc Ferrari
Automobilismo Fórmula 1

Charles Leclerc é o mais rápido na segunda sessão de treinos livres em Mônaco

Nada como poder correr em casa. É assim que se sentiu o piloto monegasco da Ferrari, Charles Leclerc, que não deu chances para ninguém e dominou de ponta a ponta a segunda sessão de treinos livres do Grande Prêmio de Mônaco. Ele cravou o melhor tempo do fim de semana até aqui, com 1:11.278, sendo quase um segundo mais rápido que a melhor volta do TL1, registrada por Lewis Hamilton.

Leclerc lidera segunda sessão de treinos livres

Primeiros 15 minutos bastante movimentados, com praticamente todos os carros indo para a pista e buscando as melhores voltas. Alguns erros que causaram abandono de algumas voltas rápidas. Leclerc, Hamilton e Sainz ficaram nas três primeiras posições nesse momento, todos esses pilotos estavam de pneu médio.

Com um pouco menos de atividade de pista, com os carros recolhendo para os boxes para alguns ajustes, por volta dos 30 minutos de sessão, a Ferrari seguiu dominante com Charles Leclerc melhorando cada vez mais o seu tempo. Alonso veio logo atrás, com quatro décimos de diferença. Verstappen fechou os três primeiros, com meio segundo atrás, mas acabou tocando no muro no fim de uma volta rápida. A maioria dos pilotos andando na frente estava com compostos macios.

Alcançando os 45 minutos do segundo treino livre, a ação na pista foi aumentando cada vez mais, com mais carros indo para pista para tentar voltas rápidas. O piloto da casa seguiu absolutamente dominante. Hamilton melhorou o seu tempo e alcançou a segunda colocação, com uma diferença de apenas 188 milésimos de segundo de Leclerc. Alonso fechou a terceira posição, quatro décimos atrás. Os pilotos seguiram, em sua maioria, com os pneus macios.

Nos 15 minutos finais, os carros continuaram na pista, mas arriscando menos e com os compostos médios. A explicação para isso é que as equipes buscaram realizar algumas simulações de corrida, para analisar os dados de comportamento do carro para domingo. Com isso, os tempos acabaram não sendo melhorados. O pódio ficou com Charles Leclerc em primeiro, seguido de Lewis Hamilton e Fernando Alonso.

Verstappen ficou na quarta posição, seguido por Norris, Sainz, Stroll e Pérez. Alexander Albon e George Russell fecharam o top 10. Tsunoda ficou em 11º lugar, seguido de Piastri, Magnussen, Ocon e Hulkenberg. Ricciardo ficou em P16, atrás dele ficaram Gasly, Sargent, e os dois carros da Sauber, Bottas e Zhou, respectivamente.

(Foto: Twitter Scuderia Ferrari)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *