Mark Coleman
Lutas UFC

Mark Coleman se diz aberto a entregar cinturão BMF no UFC 300

Mark Coleman, um membro do Hall da Fama do UFC e uma figura reverenciada nas artes marciais mistas, expressou sua disposição em entregar o título BMF (Baddest Motherf****) ao vencedor da luta entre Justin Gaethje e Max Holloway no UFC 300. Embora Coleman não considere essencial, ele está aberto à ideia se abordado pelos oficiais do UFC.

Em entrevistas recentes ao MMA Junkie, tanto Gaethje quanto Holloway manifestaram seu apoio à participação de Coleman na entrega do cinturão BMF. Essa ideia teve origem em Holloway, que homenageou Coleman como o “BMF da vida real” após seu ato heroico de salvar seus pais de um incêndio em Ohio.

Apesar de já ter sido convidado para o evento com suas filhas pelo presidente do UFC, Dana White, Coleman ficou profundamente honrado pelos comentários definitivos feitos por Gaethje e Holloway sobre a continuidade da tradição de ter alguém especial entregando o cinturão BMF.

Refletindo sobre a importância do cinturão BMF, ele comentou: “Este cinturão BMF está ganhando muita força com essa luta aqui, porque você fala sobre dois Bad Motherf***** – Justin Gaethje e Max Holloway, eles otimizam os BMFs.”

No entanto, Coleman esclareceu que não recebeu nenhuma comunicação formal dos oficiais do UFC sobre sua participação na cerimônia de entrega. Embora participasse com prazer se solicitado, ele não nutre expectativas de ser convocado.

“Eu não acho que eles vão me pedir para fazer isso, o que eu não espero que façam”, afirmou Mark. “Mas eles estão me trazendo. Eles estão me tratando muito bem. Eu amo o UFC. Eu sou um homem da empresa.”

Coleman demonstra empolgação com o UFC 300

O hall of famer expressou sua empolgação pelo UFC 300, rotulando-o como “o maior, mais incrível e melhor card já montado”. Ele espera ansiosamente fazer parte do evento, independentemente de acabar ou não entregando o cinturão ao vencedor.

“Se eu acabar colocando o cinturão neles ou qualquer outra coisa, isso é apenas a cereja do bolo. Estou muito feliz por estar lá porque este é o maior, o mais incrível, o melhor card já criado e estou animado desde a primeira preliminar,” afirmou Coleman.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *