Mavericks x Thunder
Basquete Jogos NBA

Mavericks contam com Irving inspirado e vencem Thunder fora de casa

Neste sábado (11), o Dallas Mavericks venceu o Oklahoma City Thunder por 105 a 101 no jogo 3 da segunda rodada dos playoffs da Conferência Oeste no American Airlines Center.

No primeiro tempo, o Thunder enfrentou desafios táticos e defensivos contra os Mavericks, com destaque para a liderança de Irving e Washington. O desempenho irregular de Giddey nos arremessos de três pontos e a gestão de recursos do time foram pontos críticos.

No segundo tempo, o OKC buscou ajustes, mas Dallas manteve a pressão, liderados por Irving. Um arremesso crucial deste último garantiu a vitória para os donos da casa, que agora lideram a série por 2-1, destacando a importância do trabalho coletivo, especialmente de PJ Washington e Irving, na ausência de Doncic em sua melhor forma física. O Thunder precisa se recuperar rapidamente para reequilibrar a série.

Os Mavericks se destacaram como a primeira equipe a marcar mais de 95 pontos contra o Thunder nesta pós-temporada, com Doncic e P.J. Washington combinando para 58 pontos no segundo jogo. Doncic, em especial, voltou ao seu melhor desempenho com cinco bolas de três pontos, enquanto PJ registrou um recorde pessoal de pontos em playoffs, com 29.

Apesar da confiança nos Mavericks, o Thunder enfrentou dificuldades, especialmente com o jogador Josh Giddey, que teve um desempenho abaixo do esperado nos três primeiros jogos contra Dallas, após brilhar na série anterior contra o New Orleans Pelicans.

Primeiro tempo equilibrado

O embate entre as duas equipes no primeiro tempo foi uma demonstração de estratégia habilidade de ambas as equipes. Desde o início, ficou claro que ambos os times estavam determinados a lutar até o fim para garantir a vitória neste crucial confronto de playoffs da NBA.

Os primeiros minutos ficaram marcados pela ousadia de Mark Daigneault, técnico do Thunder, ao desafiar uma falta de três lances com apenas quatro minutos jogados no primeiro quarto de jogo, uma decisão arriscada. O desafio não teve sucesso, privando o Thunder de futuras revisões e destacando a importância de gerenciar tais recursos com sabedoria em momentos cruciais.

O desempenho abaixo do esperado de Josh Giddey nos arremessos de três pontos continuou a ser uma preocupação para o Thunder no primeiro tempo. A falta de marcação por parte dos Mavericks comprometeu a contribuição de Giddey, destacando a necessidade de ajustes táticos por parte da equipe para superar essa deficiência.

Enquanto isso, os Mavericks aproveitaram a liderança de Kyrie Irving e PJ Washington para garantir uma vantagem significativa ao longo do primeiro quarto. Embora o Thunder tenha lutado para acompanhar o ritmo dos Mavericks, a resiliência da equipe permaneceu evidente, mesmo diante de desafios.

A vantagem nos rebotes e a liderança nos minutos sem Luka Doncic foram aspectos-chave do desempenho do Mavs no primeiro tempo. Enquanto a equipe buscava manter a liderança, Oklahoma procurava encontrar seu ritmo e superar suas deficiências.

Kyrie Irving brilha no segundo tempo e Mavericks vencem

No segundo tempo, o OKC fez ajustes importantes, buscando aproveitar as oportunidades de transição. No entanto, os Mavericks continuaram a pressionar, aproveitando ao máximo seu espaçamento ofensivo e capitalizando os erros do Thunder.

A lesão de Jalen Williams foi um momento preocupante para os visitantes, mas sua rápida recuperação e retorno à quadra foram um alívio para a equipe. No entanto, os donos da casa mantiveram a pressão, aproveitando a liderança de Irving para garantir a vantagem no placar.

No final, um arremesso crucial de Irving deu aos Mavericks uma vantagem de cinco pontos, colocando o Thunder em uma posição difícil nos momentos finais do jogo. Com menos de 30 segundos restantes, o Thunder enfrentava uma situação desafiadora, precisando de uma resposta rápida para manter suas esperanças vivas na série.

Com uma performance impressionante de P.J. Washington, que marcou 27 pontos, alguns lances livres oportunos de Dereck Lively e um excelente quarto período de Kyrie Irving, Dallas venceu o jogo e agora lidera a série por 2-1.

Mesmo jogando com uma dor intensa, Luka Doncic viu seus companheiros de equipe o elevarem nesta vitória crucial. Agora, o Thunder, se vê pela primeira vez na temporada com as costas contra a parede. O técnico Mark Daigneault precisará fazer ajustes na equipe para que a série volte para Oklahoma empatada.

Destaques da partida

P.J. Washington: 27 pts, 6 reb e 2 ast

Kyrie Irving: 22 pts, 7 ast e 5 reb

Luka Doncic: 22 pts, 15 reb e 5 ast

Shai Gilgeous-Alexander: 31 pts, 10 reb e 6 ast

Jalen Williams: 16 pts, 8 ast e 6 reb

FT: Dallas Mavericks 105-101 Oklahoma City Thunder (DAL lidera por 2-1)

O próximo jogo da série é considerado crucial para ambos os times. Uma vitória para o Mavs significaria a oportunidade de ir para Oklahoma no jogo 5 com a possibilidade de fechar a série e retornar a uma final de conferência após dois anos. Por outro lado, para o OKC, uma vitória é essencial para evitar complicações na série e manter vivo o sonho de alcançar a vaga na final.

O jogo 4 está marcado para segunda-feira, 13 de maio, às 22:30 (horário de Brasília), no American Airlines Center.

(Foto: Getty Images)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *