0628 eastbourne lamenta 800 int
Tenis

Bia Haddad fala sobre desconforto no joelho e participação em Wimbledon

(por Mattheus Prudente)A brasileira Beatriz Haddad Maia acabou desistindo do WTA 500 de Eastbourn na segunda rodada, quando estava sendo derrotada pela croata Petra Martic. Retornando de lesão, muitos pensaram que essa desistência tinha algo a ver com dores no joelho, mas Bia afirmou que se retirar foi parte de um planejamento para chegar bem em Wimbledon. “Acordei com a região da lesão um pouco mais chata hoje, o que é normal após o jogo longo de ontem, e sabíamos que seria importante fazer um bom primeiro set para que eu passasse menos tempo em quadra hoje, pensando em Wimbledon. Perdi minhas chances no primeiro set e o segundo começou muito disputado.  Sabendo que seria um longo caminho até a vitória e com Wimbledon começando segunda-feira optamos como equipe por retirar. É a primeira vez que me retiro de uma partida em mais de 3 anos e estou chateada. Temos um planejamento que precisa ser seguido para termos a chance de estar clinicamente e tenisticamente preparados na segunda-feira que é nossa prioridade.” Afirmou Bia. Bia sentiu dores no joelho na semana passada, e isso a fez decidir não participar do WTA 250 de Birmingham, onde tinha sido campeã no ano passado. Em Eastbourne, conquistou uma vitória difícil em seu retorno às quadras na primeira rodada, e, contra Martic, precisaria de mais um jogo longo para garantir a vitória. A temporada de grama tem sido bem diferente para Bia nesse ano em comparação com o ano passado. A brasileira, em 2022, conquistou títulos em Nottingham e Birmingham, mas, neste ano, só jogou uma partida nesses torneios, sendo derrotada na primeira rodada em Nottingham. Com isso, sua preparação para Wimbledon acaba com três partidas disputadas e uma vitória. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *