dgosacgold
NBA

Com festa na torcida, Fox e Monk comandam reação e Kings vencem Warriors no jogo 1 da série

(Por Diego Dias)A atmosfera estava em puro êxtase na capital californiana. Milhares de torcedores do Sacramento Kings se aglomeraram nos arredores do Golden1 Center desde horas antes do tipoff inicial para o jogo 1 da série contra o Golden State Warriors. Não era pra menos. Foram 17 anos de espera por um jogo de pós-temporada dos Kings e, para este sábado (15) a garantia era de muito barulho. E, em quadra, o clima foi igual e os Kings travaram disputa intensa com os Warriors para largar na frente na série.Tendo feito apenas 8 pontos após dois quartos, De’Aaron Fox deslanchou na segunda metade da partida e foi o principal pontuador do duelo com 38 pontos, além de 5 assistências e 3 roubos de bola. Ele teve ajuda providencial dos 32 pontos de Malik Monk e dos 16 vindos do banco e das 4 cestas triplas de Trey Lyles.Já os Warriors contaram com o retorno de Andrew Wiggins após lesão. Vindo do banco, o ala obteve 17 pontos e deu 4 tocos. Jordan Poole anotou outros 17 e a dupla foi escudeira de Stephen Curry (30 pontos, cestinha da equipe) e de Klay Thompson, autor de 21 pontos.O jogoComo não podia deixar de ser, as duas equipes começaram em alto ritmo o confronto. Os Warriors lançaram mão do já conhecido jogo de perímetro enquanto os Kings eram mais precisos nas infiltrações com Fox e na presença de garrafão de Sabonis. Golden State até engatou uma mini run de 10×2 em cestas seguidas de Thompson e de Gary Payton II, mas os mandantes responderam em cesta tripla de Davion Mitchell e logo a margem ficou estreita até lances livres de Fox fechar a 1ª parcial empatada (29×29).Alex Len abriu os trabalhos para Sacramento no início do quarto seguinte. O pivô protagonizou ações de ambos os lados de quadra, com duas enterradas em jogadas de pick-and-roll separadas por um toco em tentativa de floater de Draymond. Mas os Warriors não deixaram os adversários abrirrem vantagem e contaram com cesta tripla de Jordan Poole e lances livres de Jonathan Kuminga. A postura agressiva das equipes no aspecto defensivo era destaque, mas novamente Golden State teve uma run, agora de 7×0 em cestas triplas de Curry e Poole, para manter uma vantagem relativa ao término do período (61×56).Golden State tratou de impor seu estilo de trocas rápidas no ataque no 3º quarto e, se não fosse as cestas seguidas de Fox, os atuais campeões teriam esticado sua liderança. Foram 8 pontos seguidos do armador. O roteiro era o mesmo: Warriors abria para a casa dos dez pontos, Kings cortava para a metade usando as segundas chances. Curry e Lyles trocaram cestas de longa distância antes de outra bola tripla de Fox reduzir para dois pontos (88×86) a vantagem de Golden State no último minuto da parcial. No último ataque, uma bandeja de Monk deu a primeira liderança a Sacramento desde o início do 2º quarto.Os Kings levaram o momento para o último quarto e não davam folga aos Warriors. Uma bola de longa distância e dois lances livres de Monk deram vantagem de cinco pontos (99×94) logo de início. Porém, Golden State mostrou uma vez mais o porquê se ser um dos postulantes ao título com cestas dos reservas Kuminga e Donte Divincenzo para encostarem no placar. O jogo voltou a ficar insano com Fox matando uma bola de três e levantando a torcida, que logo foi silenciada com um tiro de Klay na mesma moeda. Em seguida, Curry acertou da zona morta e Fox respondeu na média distância.Uma enterrada de Sabonis após bom passe de Fox completou uma run de 7×0 dos Kings para uma vantagem de cinco pontos (119×114) a três minutos do final. Com o relógio a seu favor, os mandantes então passaram a cadenciar o jogo em meio aos arremessos forçados dos Warriors. Mas, eram os Warriors, e a equipe teve mais uma bola certeira de Curry do perímetro para gelar o ginásio. A 10 segundos do término, Wiggins teve a grande chance na zona morta sem marcação, mas desperdiçou. Coube então a Monk definir o resultado em lances livres.Final: Sacramento Kings 126×123 Golden State Warriors (SAC lidera 1-0) 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *