2023 arsenals gabriel martinelli celebrates 851026245
Futebol

Em jogo morno e truncado, Martinelli decide e Arsenal derrota o Manchester City

(por Rafael Lima)Arsenal e Manchester City chegaram ao duelo pela oitava rodada em busca da liderança da Premier League. Após esta partida existia possibilidade de três clubes terminarem na liderança, pois em caso de empate ou vitória dos Gunners por um gol de diferença, o Tottenham se manteria na frente.Mesmo sem Rodri, além de De Bruyne, o City prometia uma postura ofensiva, como se estivesse em casa, porém, o Arsenal, que tinha o importante desfalque de Saka, também entrou e campo querendo a bola, o que caracterizava uma disputa tática bem interessante. Primeiro tempo morno com Kovacic fazendo hora extraLogo no início da partida deu para ver que o time de Pep Guardiola conseguiria se impor. Na base do toque de bola e da criação, os visitantes empurravam o adversário para atrás. Aos quatro minutos, Gvardiol ficou muito próximo de abrir o placar, porém, Rice tirou em cima da linha, na sequência, Aké bateu por cima, perdendo uma grande chance.Mesmo com um equilíbrio nas ações, o City seguia povoando o campo de ataque, tentando apertar a saída de bola. Numa tentativa de lançamento de Raya, Julián Álvarez apertou e por pouco não causou uma patacoada do goleiro, mas a bola foi na rede pelo lado de fora.O jogo foi ficando cada vez mais truncado, com as equipes lutando por cada palmo de campo, mas com pouquíssima inspiração. Além do duelo fraco tecnicamente, a arbitragem também apareceu de forma negativa, pois um carrinho claro de cartão amarelo para Kovacic, que já estava pendurado, passou em branco pelo árbitro, causando revolta nas arquibancadas.E assim se desenvolveu o primeiro tempo até o final, sem muitas emoções. Os dois times ficaram devendo bastante, sem conseguir sair da marcação do oponente. Martinelli decreta a vitória do ArsenalNa etapa complementar, com Martinelli voltando após lesão, o Arsenal foi com tudo para cima, parecendo que iria começar a amassar os citizens, porém, logo o jogo foi ficando parelho, faltoso e amarrado como na primeira metade.Quem esperava um belo jogo, repleto de chances, com um futebol vistoso, teve uma enorme surpresa negativa, pois os times simplesmente não criavam, deixando a partida com mais cara de Libertadores da América do que de Premier League.O duelo se mantinha morno e sem emoção, ninguém conseguia criar nada de especial e assim  a partida se desenvolvia para um zero a zero modorrento. Mas, eis que faltando cinco minutos para o fim do jogo, Partey acertou um lançamento primoroso para Tomiyasu, que fez a bola chegar em Martinelli, o brasileiro bateu, ela desviou em Aké e morreu no fundo das redes, para explodir de alegria o Emirates Stadium.Após o gol, o Arsenal tratou de assegurar que “não teria mais jogo”, marcando em cima e diminuindo espaço para levar bem os minutos finais, mantendo a vitória e quebrando um tabu de oito anos sem derrotar o City. Final: Arsenal 1×0 Manchester City Vitória muito importante do Arsenal, que além de finalmente exorcizar um adversário tão difícil, ainda conseguiu colar na liderança da Premier League, ficando atrás do Tottenham apenas nos gols marcados.Enquanto isso, pela primeira vez desde o primeiro ano de Guardiola no comando do Manchester City, o time perdeu duas partidas consecutivas na Premier League, ligando um sinal de alerta por lá, já que após a saída de Rodri a equipe não conseguiu mais se encontrar.O resultado, além de tudo já citado, ainda serve para embolar muito mais a competição, com os quatro primeiros separados por no máximo três pontos. Tottenham e Arsenal tem 20, Manchester City 18 e Liverpool 17.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *