ww
Futebol

Jim Ratcliffe encaminha compra de 25% do Manchester United por mais de R$15 bilhões

(por Fabrício Carvalho)O grupo Ineos controlado pelo empresário Sir Jim Ratcliffe quer assumir parte do controle das operações de futebol dos negócios do Manchester United, pertencente à família Glazer, com uma oferta de 25% no valor estimado de £ 1,3 bilhão (mais de R$15 milhões) for aprovada.Acredita-se que o bilionário britânico esteja cada vez mais confiante em garantir o que espera ser a primeira fase de uma eventual aquisição pois o o banqueiro catariano Sheikh Jassim bin Hamad Al Thani se retirou do processo de compra do United, decepcionanto a torcida.O catariano não conseguiu a aprovação dos Glazers com a sua oferta de 100% e ficou frustrado com as suas exigências. Ou seja, confirmando mais uma vez as informações de que a família não deseja se afastar completamente dos Red Devils.Ambos os grupos apresentaram propostas de cerca de 5 mil milhões de libras. Não está claro como seria estruturada uma participação minoritária da Ineos e se os Glazers a aceitariam. Ratcliffe visitou Old Trafford em março ao lado dos dirigentes da Ineos, Sir Dave Brailsford, Rob Nevin e Jean Claude Blanc.De acordo com a imprensa inglesa, uma reunião do conselho do Manchester United está marcada para quinta-feira (19), durante a qual é possível que o acordo seja finalizado. Acredita-se que a Ineos espera que, se for responsável pelo lado futebolístico dos negócios do clube com um quarto das ações, possa tranquilizar os torcedores insatisfeitos com a permanência dos Glazers no United.A família Glazer, que comprou o United por £ 790 milhões em 2005, anunciou em novembro de 2022 que estava considerando vender o clube, no momento em que torcedores realizaram diversas manifestações contra a família Glazer dentro e fora de Old Trafford.Grupo Ineos possui investimentos em esportesA Ineos já é dona do Nice, clube francês da Ligue 1, e do Lausanne, do futebol suíço. Seu portfólio esportivo também inclui a renomada equipe de vela Ineos Britannia – liderada por Sir Ben Ainslie – que pretende vencer a Copa América de 2024.A Ineos também tem uma parceria de cinco anos com a equipe de Fórmula 1 Mercedes – onde detém uma participação minoritária de 33% – e assumiu o controle da Team Sky, com sede na Grã-Bretanha, no ciclismo em 2019. O empresário tentou comprar o Chelsea no ano passado, mas não foi bem sucedido.Imagem: Manchester United (via Getty) 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *