75
NFL

Love Hurts! Com “QB clutch” e show de Swift, Eagles vencem os Chiefs e seguem soberanos na NFL

(por Rafael Lima) Chegou o dia do tão esperado Monday Night Football, que colocou frente a frente os dois times que disputaram o último Super Bowl. A partida tinha diversos atrativos além do fato já relatado, pois tínhamos em campo duas defesas robustas, quarterbacks espetaculares e ainda o duelo entre os famosos irmãos Kelce, isso sem contar que ambos os times lideram suas conferências. O tempo de chuva e frio poderia ser um fator que faria as equipes correrem mais com a bola, só que a genialidade dos quarterbacks deixava tudo incerto. Toda a expectativa seria colocada à prova no Arrowhead Stadium. Defesas vão bem, mas o jogo terrestre dos Chiefs faz diferençaO jogo começou com as duas defesas completamente dominantes, forçando rápidos “3 and out”.Porém, na segunda vez em Patrick Mahomes voltou ao campo, a campanha ofensiva do time da casa fluiu. Utilizando muito o jogo terrestre com Isiah Pacheco, os Chiefs foram avançando com muita inteligência até chegarem na red zone. Neste momento, o QB de Kansas City brilhou, se movimentando no pocket para encontrar Watson na end zone, sozinho, para anotar o primeiro touchdown da partida. Já na segunda chance do ataque dos Eagles, o jogo terrestre se estabeleceu com primor. D’Andre Swift estava praticamente imparável. E, quando Hurts precisou usar passes, ele demonstrou boa conexão com DeVonta Smith. Entretanto, a campanha era de Swift, que na red zone, correu para o TD. Partida empatada após o extra-point anotado por Elliott. O jogo começava a pegar fogo.As defesas continuaram fazendo estragos. Na campanha seguinte, o ataque dos Chiefs não avançou muito, tendo que devolver a bola. Enquanto isso, já com a ofensiva em campo, os Eagles avançavam com Jalen Hurts dando bons passes, porém, L’Jarius Snead conseguiu bela interceptação do QB, numa jogada em que AJ Brown ficou por um toque de canela de recuperar a bola oval. Com a posse de bola, Mahomes e o jogo terrestre de Kansas City voltaram a funcionar. Gastando relógio e avançando gradativamente com inteligência, o time da casa foi ganhando jardas e se aproximando da end zone. Entretanto, num erro pouco comum de Patrick Mahomes, o QB telegrafou uma bola e o ótimo Kevin Byard conseguiu a interceptação já dentro da zona de TD.O ataque dos Eagles pouco fez e já devolveu a bola. E aí, com Toney, Pacheco e Mahomes conseguindo avanços incríveis no jogo terrestre, o Kansas City Chiefs chegou com rapidez e maestria à red zone. E, já na boca da end zone, o QB da casa encontrou Travis Kelce bem posicionado e o namorado da Taylor Swift anotou seu touchdown, recolocando os anfitriões na frente. Na reta final do primeiro tempo, a defesa dos Chiefs atuou de forma contundente, não deixando o ataque dos Eagles fazer nada. E, mesmo com pouco tempo de relógio, Kansas City conseguiu mover as correntes, seguindo a bela condução de Mahomes, para pontuar novamente, num field goal anotado por Butker.Desta forma, os times foram para o intervalo com os Chiefs na frente por 17 a 7. Hurts, Swift e erros dos recebedores dos Chiefs garantem a vitória dos EaglesO terceiro quarto começou com os dois ataques sofrendo, assim como aconteceu no início da partida. Sendo assim, as duas equipes ficaram longe de pontuar em suas primeiras campanhas no segundo tempo.Os ataques seguiram sem muito sucesso, sofrendo com as defesas agressivas. Até que ainda no período, Hurts e principalmente Swift, foram os grandes responsáveis para o time ganhar jardas, até que na reta final do drive, o QB chamou a responsabilidade, furou a defesa e invadiu a end zone para deixar o jogo com o placar parelho. Tentando não deixar Philadelphia crescer, Kansas City foi para o ataque com boas corridas, Pacheco deixando sua marca e avanços importantes até a red zone. Entretanto, quando parecia que o time da casa anotaria mais pontos, Travis Kelce sofreu um fumble que jogou a campanha fora. Porém, o ataque dos Eagles não conseguiu se mexer no drive seguinte, devolvendo a bola num 3 and out.As defesas levavam enorme supremacia, fator chave para deixar o duelo tão equilibrado. Abusando das blitz e da forte marcação da secundária nos recebedores, Philadelphia dificultou o ataque dos Chiefs, que não conseguia pontuar no segundo tempo. Com a bola de novo, Jalen Hurts resolveu trabalhar as conexões com DeVonta Smith. E num lançamento esplêndido para o WR, o QB deixou o time há uma jarda do TD. Aí, na base do famoso “tush push”, o Philadelphia Eagles anotou mais um touchdown, tomando a liderança no placar. Que drive espetacular Hurts! Que jogaço! Após sofrer a virada, o time da casa não fez muito, sendo inclusive prejudicado pela arbitragem numa inversão de falta. Tendo que devolver a bola, os Chiefs poderiam estar colocando tudo a perder, já que devolveram a bola. Entretanto, a defesa de Kansas Chiefs novamente brilhou, dando mais uma chance para Mahomes e cia.Patrick Mahomes voltou ao campo com seu arsenal de passes em dia. O QB lançou para Rice e Kelce muito bem, conseguindo ótimos avanços. O touchdown da vitória esteve nas mãos de Valdes-Scantling, mas o wide receiver dropou a bola oval. E, para completar a noite infeliz dos recebedores dos Chiefs, Watson também não segurou um bom passe que manteria a campanha de Kansas City viva. E, assim, a melhor equipe da NFL venceu mais uma. Final: Philadelphia Eagles 21-17 Kansas City Chiefs Fatores determinantesVitória espetacular do Philadelphia Eagles, que contou com um jogo terrestre fantástico liderado por D’Andre Swift, e Jalen Hurts clutch, se garantindo na química com DeVonta Smith. Além dos pontos fortes no ataque, a defesa apareceu nos momentos cruciais para não deixar os Chiefs deslancharem no placar.Além do sistema defensivo de Philadelphia, outro fator determinante para a derrota de Kansas City foi a falta de bons recebedores para Patrick Mahomes, que droparam passes decisivos que dariam a vitória ao time da casa. Por isso, mesmo com sua truculenta defesa e barulhenta torcida, os Chiefs saíram de campo com sua terceira derrota na temporada e a perda da momentânea seed 1 da AFC, que agora é do Baltimore Ravens.Após a partida, o que fica é que o Philadelphia Eagles é a equipe mais completa da NFL e Jalen Hurts está cada vez mais pronto para ganhar um Super Bowl. Enquanto do outro lado, se Andy Reid não conseguir fazer seus recebedores evoluírem, será muito difícil que o Kansas City Chiefs conquiste mais um título para a sua torcida.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *