53321608746 a07dbe45e2 k
Futebol

Lúcio Flávio ainda acredita em título do Botafogo mesmo com quatro derrotas consecutivas

(por Fabrício Carvalho)Em roteiro inacreditável e cruel, o Botafogo voltou a ser derrotado de virada com placar de 4 a 3 nesta quinta-feira (9), desta vez diante do Grêmio, em duelo válido pela 33ª rodada do Brasileirão em São Januário.Diego Costa e Júnior Santos marcaram no primeiro tempo, enquanto Marlon Freitas concluiu logo no início da etap complementar. Tudo indicava que o Botafogo conseguiria se recuperar, mas Luis Suárez decidiu o jogo a favor do Grêmio com um hat-trick e o alvinegro foi derrotado pela quarta vez consecutiva.Mesmo com esta derrota terrível, Lúcio Flávio foi para a entrevista coletiva e disse que todos sentiram muito a derrota no elenco, mas afirmou que ainda acredita no título alvinegro, apesar de conquistar apenas um ponto dos últimos 15 em disputa.”No vestiário, todos sentiram muito o jogo. Muito em razão de situações do jogo que faltou maturidade. Foi o que conversei com eles, quando comentamos após o Vasco, de ser competitivos, mas faltou maturidade. Em uma situação que era lateral nosso, permitimos a transição do adversário. Talvez, faltou fazer mais faltas táticas, para impedir alguma situação ofensiva do adversário. Vamos trabalhar e recuperar muito nesses dois dias essa questão emocional e mental.””É pouco tempo para absorver o que aconteceu nessa noite e preparar o time para domingo. Temos 66 horas de um jogo para o outro. Digamos, condicionar principalmente os atletas numa situação de darmos melhores condições em termos de descanso, alimentação, porque é um jogo contra um adversário que tem a mesma ideia de buscar a liderança. Nós, hoje, ainda nos mantemos como líderes, mas temos que ir para esse jogo sem qualquer tipo de gordura.””Se queremos chegar, temos que chegar lá e vencer o jogo para mudar de fato essa questão dos resultados. Acho que é uma questão até moral que nós temos como instituição e clube. Dos jogadores estarem cientes da nossa responsabilidade e convictos que precisamos o mais rápido possível mudar isso que está trazendo nesse momento essa angústia para nós. Essa é a verdade, em termos de não conseguimos os resultados.””Acho que é uma questão até moral que nós temos como instituição e clube. Dos jogadores estarem cientes da nossa responsabilidade e convictos que precisamos o mais rápido possível mudar essa realidade, em termos de não conseguirmos os resultados.”Sem nenhuma perspectiva de mudança, o Botafogo entrará em campo no próximo domingo (12) diante do Red Bull Bragantino, no Nabi Abi Chedid, com mais uma provável derrota na conta. Desta vez, tudo indica que o alvinegro fechará a rodada fora da liderança.Imagem: Vitor Silva / Botafogo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *