diego maradona lionel messi
Futebol

Para ídolo argentino: “Messi nunca será Maradona, nem mesmo se vencer quatro Copas do Mundo seguidas”

(por Leonardo Costa) Mario Kempes é considerado até hoje um dos maiores atacantes argentinos da história. Foi sob seu protagonismo que a Argentina conquistou sua primeira Copa do Mundo, em 1978, quando aos 23 anos foi o artilheiro do torneio com seis gols.Em participação ao programa ‘Fuera de juego’, da ESPN mexicana, Kempes comparou dois astros de seu país, Diego Maradona e Lionel Messi, e foi enfático: “Para Messi, a desgraça é que seja o substituto de Maradona. E é muito difícil fazer sobra a Diego, por toda idolatria que ele tem pelo mundo”.Na sequência, o campeão do mundo acrescentou: “Se quer ser melhor que Maradona, não vai conseguir por mais que ganhe quatro mundiais seguidos”, dando a entender que, apesar dos títulos que siga conquistando, Messi jamais será o maior jogador argentino da história.As declarações vieram pouco tempo depois do primeiro título de Messi com a seleção principal argentina. A Albiceleste conquistou a Copa América ao derrotar o Brasil por 1 a 0 na decisão, em pleno Maracanã, voltando a levantar um troféu após 28 anos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *