sahz
NFL

Ryan Shazier, jogador do Pittsburgh Steelers, faz emocionante anúncio de aposentadoria

(por João Zarif)O linebacker do Pittsburgh Steelers, Ryan Shazier, anunciou que está se aposentando da NFL. Shazier atingiu níveis que muitos nunca pensaram que ele alcançaria em sua recuperação de uma lesão na coluna sofrida contra o Cincinnati Bengals, em 4 de dezembro de 2017. Sua vasta determinação o fez passar de uma cadeira de rodas a andar em apenas alguns anos. Ele nunca desistia, trabalhando horas a fio para se forçar ao limite. Hoje, porém, Shazier tomou essa decisão difícil na sua vida.  Ele fez o anúncio nas redes sociais. Ele já estava na lista de reserva / aposentados.“Estou aqui hoje para garantir que o mundo saiba o quanto ainda amo o futebol. Estou muito grato por tudo o que o futebol me deu. Estou aqui hoje para deixar o mundo saber que estou oficialmente me aposentando do jogo que tanto amo “, disse um Shazier emocionado no vídeo que compartilhou.  “Já se passaram mais de 1.000 dias desde que me machuquei. Perder o jogo de uma maneira que nunca imaginei não foi fácil. Quando você joga futebol do jeito que eu fiz, você se convence de que é o Super-homem. Que nada pode impedir você. Aí, no momento em que me machuquei, deixei de ser Super-homem e isso era difícil de fazer sentido. Do jeito que eu vejo, Deus colocou todos nós aqui com um propósito. Por 20 anos ele me deixou jogar futebol, e agora é hora de eu fazer o que ele quer que eu faça. Eu vou me afastar do jogo  por um tempo e ver o que mais a vida tem a oferecer. Sei que o futebol sempre estará aqui para mim se eu precisar, mas agora estou animado para explorar alguns novos desafios e caminhos diferentes. “A história de Shazier é incrível.  Ele sofreu uma lesão na coluna contra o Cincinnati Bengals em 2017 e foi submetido a uma cirurgia de estabilização da coluna dois dias depois. Ele tem sido uma inspiração desde aquele dia, tendo uma abordagem positiva para sua recuperação. Ele não sentou sentindo pena de si mesmo, ao invés disso saiu e fez tudo que podia para lutar. Ele foi homenageado várias vezes por sua coragem, incluindo a conquista do Prêmio George Halas de 2019, nomeado pelo Pro Football Writers of America (PFWA). O Prêmio Halas, em homenagem ao ícone do Hall da Fama e do Chicago Bears, é concedido a um jogador, técnico ou membro da equipe da NFL que superou grandes adversidades para ter sucesso. Shazier também ganhou o Prêmio Ed Block Courage.Shazier foi a primeira escolha do Steelers no Draft da NFL de 2014  oriundo da Universidade de Ohio, o 15º jogador na classificação geral daquele recrutamento. No momento da lesão na temporada de 2017, ele estava empatado em mais interceptações entre os linebackers da AFC (3), empatado em segundo lugar entre todos os jogadores defensivos da AFC em tackles solo (68) e liderava todos os linebackers da NFL com 11 passes defendidos. Apesar da lesão no final da temporada, ele foi votado para seu primeiro Pro Bowl, após ser selecionado no ano anterior como suplente. Shazier disputou 46 partidas em sua carreira, com 275 tackles, sete sacks, 25 passes de defesa e sete interceptações em suas quatro temporadas.No ano passado ele lançou sua Fundação Shalieve Fight. O agora ex-linebacker disse que, desde a lesão, ouviu falar de muitas pessoas que sofreram lesões na medula espinhal, muitas que lutam em uma batalha muito particular e precisam de uma mão amiga. Obrigado e vida longa, Ryan Shazier!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *