Rafael Paiva Vasco
Futebol Brasileirão

Rafael Paiva fala sobre sequência no comando do Vasco

Ainda interino, Rafael Paiva completou quatro jogos à frente do Vasco da Gama, somando sete pontos no Campeonato Brasileiro. Desde que assumiu o cargo após a saída de Alvaro Pacheco, Paiva, que anteriormente comandava o Sub-20, liderou o time em duas vitórias, um empate e uma derrota, totalizando 14 pontos e tirando o Vasco da zona de rebaixamento. A vitória mais recente foi um 2 a 0 sobre o Fortaleza nesta quarta-feira.

Apesar do bom desempenho, Paiva ainda não está garantido no cargo, mas disse estar à disposição do Vasco para continuar no comando.

“Em casa, a gente tem jogado muito bem, vem de bons jogos, conseguimos mais uma vitória jogando bem. Me sinto cada vez mais pronto. Estou sempre à disposição do Vasco para o que o Vasco achar que tem que ser. Estou aqui para ajudar e cada vez me sinto mais confiante para fazer as coisas com os jogadores. A sinergia está sendo muito boa,” declarou.

A partida contra o Fortaleza foi marcada por um momento decisivo aos 39 minutos do primeiro tempo, quando Hércules foi expulso, deixando o time adversário com um jogador a menos. O Vasco aproveitou a vantagem e abriu o placar com Mateus Carvalho logo em seguida. No segundo tempo, Pablo Vegetti ampliou, fechando o placar em 2 a 0.

Paiva destacou a evolução da equipe para continuar avançando na tabela do Brasileirão.

“A gente não merece estar no Z-4. A gente tem trabalhado e se esforçado para sair do Z-4. A gente tem equipe para brigar lá em cima. Cautela, a gente não vai chegar de qualquer forma. É buscar passo a passo. Distanciar do Z-4, alcançar a Sul-Americana, brigar lá na frente. O mais importante é o Vasco jogar, voltar ao DNA do Vasco e pontuar para tentar brigar lá em cima,” afirmou Paiva.

Rafael Paiva e os problemas de desfalques no Vasco

O próximo desafio do Vasco será contra o Internacional, no Beira-Rio, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro, neste domingo. No entanto, Paiva terá que lidar com desfalques importantes: Maicon, Hugo Moura, Piton e David cumprirão suspensão após receberem o terceiro cartão amarelo. Além disso, Payet, que começou como titular contra o Fortaleza, deixou o campo aos 13 minutos do primeiro tempo com dores na coxa esquerda e também não deve jogar.