Rashee Rice
NFL Notícias

Com problemas com a polícia, Rashee Rice participa dos treinamentos do Kansas City Chiefs

Com uma offseason bem agitada até aqui, Rashee Rice foi visto participando ativamente dos treinamentos do Kansas City Chiefs nesta segunda-feira, 20, segundo o jornalista Adam Schefter, da ‘ESPN’.

Antes disso, de acordo com a publicação do jornalista, o wide receiver participou das reuniões onlines feitas pelos Chiefs nos últimos dias.

Problemas com a polícia

Rice, de 24 anos, foi preso há alguns meses em Dallas, após se envolver em um acidente de seis carros em uma rodovia. O recebedor está sendo acusado de agressão agravada, colisão envolvendo lesões corporais graves e colisão envolvendo lesões.

A polícia alegou que Rice estava correndo com outro veículo em alta velocidade, chegando a atingir a velocidade de 191 km/h pouco antes do acidente.

Dois pessoas que se machucaram na colisão estão processando o jogador em cerca de US$ 10 milhões por punição devido aos danos caso do acidente, além de US$ 1 milhão em danos reais no estado do Texas.

Para finalizar os últimos meses de Rashee Rice, o recebedor também é suspeito em uma caso de agressão que teria acontecido em um clube noturno em Dallas, no início do mês de maio.

Rashee Rice, Kansas City Chiefs (Foto: Getty Images)
Rashee Rice, Kansas City Chiefs (Foto: Getty Images)

Rashee Rice e a NFL

Em sua primeira temporada na NFL, Rashee Rice terminou liderando os wide receivers dos Chiefs em recepções (79), jardas recebidas (938) e em touchdowns (sete).

Mais polêmicas nos Chiefs

Não é só a offseason de Rice que está agitada. O Kansas City Chiefs virou protagonista no mês de maio após o discurso feito por seu kicker, Harrison Butker. O jogador está sendo criticado nas redes sociais, com várias petições pedindo a sua dispensa da franquia.

Nos últimos dias, dois jogadores de linha ofensiva, Wanya Morris e Chukwuebuka Godrick, foram presos pela polícia de Kansas por porte de maconha. Ambos foram registrados e logo depois soltos, após pagarem fiança de US$ 2.500.

(Foto: USA TODAY Network)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *