São Paulo
Copa do Brasil Futebol

São Paulo vence o Águia de Marabá e se classifica para as oitavas da Copa do Brasil

O São Paulo recebeu o Águia de Marabá nesta quinta-feira (23) no Morumbis na partida de volta da terceira fase da Copa do Brasil. O Atual da campeão da competição não decepcinou e venceu novamente a equipe do Pará. Com o resultado de 2 a 0, o São Paulo ficou com 5 gols no agregado do confronto e se garantiu na próxima fase da competição

O primeiro tempo foi marcado pelo domínio tricolor. Lucas abriu o placar convertendo um pênalti aos 36 minutos, enquanto Erick ampliou a vantagem aos 43 minutos. O segundo tempo viu a equipe de Zubeldia continuar pressionando e criando diversas oportunidades de gol, mas sem conseguir aumentar a vantagem, graças a grande atuação do goleiro Axel Lopes. O árbitro anulou um gol de Juan nos acréscimos após interpretar falta de Patryck em Daelson. Mesmo assim, o Tricolor Paulista garantiu sua vaga nas oitavas de final da competição

Luis Zubeldia, que segue invicto no comando do clube paulista, optou por utilizar a partida de hoje para conceder minutos aos jogadores menos utilizados, poupando os titulares em vista do confronto contra o Talleres, que disputava a liderança do Grupo B. Rodrigo Nestor e Lucas receberam uma boa quantidade de minutos para recuperarem sua melhor forma física.

Os jogadores do Águia de Marabá entraram em campo usando uma camisa em homenagem a Afonso Rossa, zagueiro do sub-20 da equipe paraense, que faleceu devido a um infarto momentos antes de uma partida da Copa Pará no último sábado. Essa trágica perda abalou profundamente a equipe, mas eles encontraram uma maneira de honrar seu companheiro de equipe enquanto competiam.

Lucas marca no primeiro tempo

Os visitantes começaram mostrando suas garras, com uma jogada promissora de Braga, que avançou pela direita e soltou um chute bloqueado pela zaga. Mas logo o Tricolor impôs sua superioridade, dominando as ações e deixando claro quem estava no comando.

Apesar de uma cabeçada perigosa de David Cruz para o Águia, após um escanteio bem cobrado por Alan Maia, foi o São Paulo que ditou o ritmo do jogo. Com jogadas trabalhadas e oportunidades criadas, o time paulista pressionou incessantemente. Uma chance clara de gol de André Silva foi frustrada por duas defesas incríveis de Axel Lopes, que ainda salvou um chute de Galoppo e viu a trave impedir um gol de Patryck.

O São Paulo continuou martelando, com Luiz Gustavo e André Silva levando perigo ao gol adversário. A recompensa veio aos 33 minutos, quando Erick foi derrubado na área por Júnior Dindê. Lucas, com calma e precisão, converteu o pênalti aos 36 minutos, deslocando o goleiro e colocando a bola no canto esquerdo da meta.

E não parou por aí. Aos 43 minutos, Ferraresi roubou a bola de Patrick no campo de ataque e fez um cruzamento perfeito para Erick, que subiu livre e cabeceou para o fundo das redes, ampliando a vantagem são-paulina. O primeiro tempo encerrou com uma demonstração clara de domínio do São Paulo, deixando os torcedores ansiosos pelo que viria a seguir. A expectativa é de mais emoções e gols na segunda etapa.

Massacre do São Paulo no segundo tempo

No segundo tempo, o dono da casa voltou determinado a aumentar sua vantagem. Logo nos primeiros minutos, Rodrigo Nestor teve uma oportunidade quase perfeita, aproveitando o rebote da zaga após um escanteio. Com uma bela finalização, ele obrigou Axel Lopes a fazer uma defesa crucial no canto direito.

Apenas três minutos depois, uma chance ainda mais clara foi desperdiçada pelo São Paulo. Braga pegou o rebote após a defesa de Axel, mas foi desarmado por Ferraresi. Rodrigo Nestor cruzou rasteiro, e o goleiro entregou a bola nos pés de Galoppo. Com o gol praticamente vazio, o argentino acabou mandando por cima do travessão em um lance que deixou os torcedores de cabelo em pé.

O Tricolor continuou pressionando. Aos 15 minutos, Moreira encontrou Galoppo livre na área, mas o argentino finalizou desequilibrado e o goleiro do Águia fez a defesa. Pouco depois, em um escanteio cobrado por Lucas, Galoppo cabeceou na primeira trave, mas Axel Lopes realizou uma defesa espetacular, mantendo o Águia de Marabá vivo na partida.

Com uma posse de bola dominante de 70% durante quase todo o segundo tempo, o São Paulo mostrou sua superioridade e determinação em busca de mais gols.

Nos minutos finais da partida, após uma cobrança curta e rápida de escanteio, Alisson fez um cruzamento da intermediária. Juan se lançou em um mergulho para cabecear no meio da área, mas o goleirão adversário estava atento e fez uma defesa segura no centro do gol.

Em seguida, Ferreira realizou uma bela tabela com Alisson, avançando pela ponta direita e tocando para trás. Rodriguinho apareceu para finalizar cruzado, mas Axel esticou-se ao máximo e fez uma defesa impressionante com a ponta dos dedos, evitando o gol certo.

O clube da fé não desistiu e continuou buscando oportunidades até o apito final. Já nos acréscimos, Rodriguinho recebeu um ótimo passe de Luciano na entrada da área e encontrou Ferreira livre. O atacante chutou com precisão da pequena área, mas Axel Lopes fechou muito bem o ângulo e defendeu com a perna esquerda.

O terceiro gol aconteceu finalmente no útlimo lance da partida, após um passe errado de Luciano, Patryck intercepta Daelson e entrega a bola para Juan pelo lado esquerdo da área. O atacante dribla David Cruz, chuta entre as pernas do goleiro para marca o terceiro gol. No entanto, o árbitro Marcelo Henrique Lima anula o gol após interpretar que houve falta deo lateral em Daelson.

Com o apito final, o São Paulo, atual campeão da Copa do Brasil garantiu sua vaga para as oitavas de final da competição.

FT: São Paulo 2-0 Águia de Marabá (São Paulo vence por 5-1 no agregado)

A equipe de Zubeldia agora aguarda o sorteio da CBF para descobrir seu próximo oponente nas oitavas de final da Copa do Brasil. Vale ressaltar que, devido às enchentes no Rio Grande do Sul, quatro jogos da terceira fase ainda não foram realizados.

O Tricolor Paulista retornará ao campo na próxima quarta-feira (29), às 21h30 (horário de Brasília), para enfrentar o Talleres. Esta partida determinará a liderança do Grupo B na Libertadores.

(Foto: Twitter Copa do Brasil)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *