Bragantino
Futebol Brasileirão

Com facilidade, Bragantino faz 2 e vence o Grêmio

No Couto Pereira, casa do Coritiba, o Grêmio mandou o jogo contra o Bragantino, devido às enchentes no Rio Grande do Sul. O time gaúcho, porém, foi aquém do esperado pelo torcedor, na volta do Brasileirão após paralisação.

Análise

Com o elenco bem modificado, o Grêmio foi surpreendido e pouco fez contra o RB Bragantino. O clube paulista foi melhor durante quase todo o confronto, tanto no ataque como na defesa.

O Bragantino teve uma atuação muito boa no ataque, com ritmo desde o início e sempre com muita facilidade em chegar ao sistema defensivo do Grêmio. E na defesa, os gaúchos tiveram poucos momentos de inspiração no ataque, e muito por conta da atuação da zaga dos paulistas.

Já o Grêmio sofreu por optar em poupar para a Libertadores no meio de semana. Com grande parte do elenco reserva, o time gaúcho só fez alguma coisa em campo no segundo tempo, com a entrada de alguns nomes conhecidos. Destaque para Soteldo, que precisou de poucos minutos para ser o melhor jogador do Grêmio em campo.

O resultado foi extremamente justo, mesmo que o Bragantino tenha caído de desempenho no segundo tempo. O gol logo nos primeiros minutos definiu muito o que aconteceu durante todo o jogo, mas mérito total para o Bragantino.

Luan Cândido, ao marcar o segundo gol do RB Bragantino (Foto: Du Caneppele/Pera Photo Press)
Luan Cândido, ao marcar o segundo gol do RB Bragantino (Foto: Du Caneppele/Pera Photo Press)

O jogo

Logo nos primeiros minutos de partida, o Bragantino abriu o placar. Com três minutos de jogo, Ramires dominou dentro da grande área e acertou um chute de rara felicidade, sem chances para Rafael.

Após o gol, o RB Bragantino manteve o bom momento e passou a se destacar na partida. A equipe sabia como construir as jogadas para chegar ao sistema defensivo do Grêmio com facilidade, na base do passe. E na defesa, o time recuperava rápido a posse de bola, além de segurar muito bem o ataque da equipe gaúcha.

Ainda melhor em campo, o Bragantino chegou a balançar as redes novamente, aos 26’. Em cobrança de falta em direção a pequena área, Luan Cândido desviou a bola para o gol, mas o zagueiro estava impedido.

Com o decorrer do primeiro tempo, o Grêmio mostrou muita dificuldade na hora de criar no ataque. A equipe chegava até o último terço do campo, mas a partir daí, nada era produzido.

Mesmo com os dois times bem “soltos” em campo, a qualidade da partida, como um todo, caiu demais com a chegada da reta final do primeiro tempo. Nenhum dos dois ataques conseguiram levar a melhor contra as defesas.

Mas, próximo dos acréscimos, o Grêmio teve sua melhor chance. Em cobrança de escanteio, após escorada de cabeça, Fábio cabeceou para o gol, porém carimbou o travessão de Cleiton. No rebote, o lateral tentou de novo, mas errou o alvo.

O Grêmio voltou muito bem do intervalo, com duas grandes chances logo no início do segundo tempo. No entanto, quem marcou foi o RB Bragantino. Fábio colocou a mão na bola dentro da área: pênalti. Luan Cândido cobrou e converteu.

Atrás do placar, o Grêmio optou por colocar alguns jogadores, com destaque para Soteldo. O ex-Santos não precisou de muito tempo para se tornar o melhor jogador do time gaúcho em campo. Na ponta direita, o jogador foi protagonista de quase todas as oportunidades ofensivas da equipe na segunda etapa.

E o Massa Bruta voltou a assustar o Grêmio, aos 32’. Vitinho dominou na ponta esquerda, partiu para cima e cortou para o meio. O atacante achou o espaço e finalizou com força, carimbando o travessão de Rafael.

O Grêmio ainda tentou mais algumas coisas no ataque, mas nada que pudesse colocar em perigo a vitória do RB Bragantino

Fim de jogo: Grêmio 0 x 2 Bragantino

(Foto: Divulgação/RB Bragantino

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *