Santa Cruz Copa do Nordeste
Futebol Outras ligas

Copa do Nordeste: Goleiro do Santa Cruz recebe ameaças de morte

O goleiro André Luiz divulgou um forte texto de desabafo nesta terça-feira (9) alegando ameaças de morte após eliminação na Copa do Nordeste. O Santa Cruz deixou a competição regional na fase prévia após cair diante do Altos-PI.

No jogo realizado durante o último final de semana, o goleiro tornou-se pivô da eliminação precoce do tradicional Santa Cruz na partida preliminar decidida na cobrança por pênaltis após empate por 2 a 2.

O Santa Cruz abriu 2 a 0 no primeiro tempo, mas tomou dois gols na etapa complementar e os dois gols sofridos “caíram na conta” do goleiro André Luiz por conta das falhas de posicionamento do goleiro.

Nos pênaltis, o goleiro não defendeu nenhuma das doze cobranças enquanto o goleiro Careca defendeu dois pênaltis e garantiu a classificação do Altos-PI para a segunda fase da Copa do Nordeste. André Luiz chegou como uma das principais contratações da temporada.

No desabafo, o goleiro lamentou a cultura do futebol brasileiro de criminalizar jogadores de futebol por atuações ruins e prometeu trabalhar duro para recuperar a confiança da torcida do Santa Cruz, que terá apenas o Campeonato Pernambucano no restante da temporada.

Desabafo de André Luiz após eliminação na Copa do Nordeste

“Às vezes a sua vida vira de ponta cabeça! Uma hora você está vivendo o seu melhor momento e no outro você é o pior profissional que existiu. Planejamos em nossa mente algumas situações que possam ocorrer, criamos uma energia positiva, imaginamos o melhor cenário pro jogo, as melhores defesas, as melhores decisões, só que às vezes nada do que você imaginou se realiza.

Todos os treinos em alta intensidade, todo trabalho feito durante os dias de preparação, todo suor derramado, todo empenho e abdicações, todo sofrimento, toda entrega, toda ralação, mesmo com tudo isso alinhado você é pego por 1seg e seu mundo vira de cabeça pra baixo (essa é a vida de goleiro).

Tudo o que você conquistou nada mais importa, todo trabalho nada mais importa, você pode ter tido o melhor ano de sua vida, cheio de conquistas e realizações que te levaram até onde você está hoje, mas nada mais importa aos olhos humanos.

Você já não presta mais, você é um lixo, você recebe AMEAÇAS contra sua vida, AMEAÇAS na rua e já não merece mais estar onde você está, essa é a vida de jogador que muitos não sabem, elogios e críticas. O pior de tudo é você olhar para as pessoas que você mais ama e ver a dor nos olhos por você estar nessa situação, ver que eles queriam estar no seu lugar pra tomar suas dores, essas pessoas que não têm nada a ver com a situação são xingadas, magoadas, humilhadas.

E com isso você começa a ter sentimentos que nunca imaginou ter, sentimentos que só jogadores, atletas que precisam dar respostas e resultados sentem, noites sem dormir, questionamentos, pensamentos.

Por que eu? Por que agora? Mesmo sabendo que a falha é normal, que o erro é humano, infelizmente essas perguntas vêm. Mas eu creio em um Deus maravilhoso que tem um propósito pra tudo, creio no Deus de milagre, aquele que é fiel com os seus, aquele que não desampara o justo. Quando estamos bem, confiamos no senhor de todo nosso coração, quando estamos passando por algo ruim devemos confiar e descansar nele, assim faremos. Erguer a cabeça, dar o melhor todos os dias e trabalhar, não a mais nada que possa ser feito a não ser trabalhar. Mateus 11:28-30″.

Imagem: Rafa Melo / Santa Cruz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *