Jalen Brunson Knicks
Basquete NBA Notícias

Jalen Brunson sofre fratura na mão durante eliminação dos Knicks no jogo 7

O armador Jalen Brunson fez uma temporada espetacular, mas quando mais precisou trabalhar em quadra, não correspondeu. Neste último domingo (19), o atleta sofreu uma fratura em sua mão no jogo 7 entre New York Knicks e Indiana Pacers. Sem condições de continuar na partida, Brunson teve de ir para o vestiário no confronto que resultou na eliminação de seu time.

Por mais que o armador não tenha conseguido terminar o confronto em quadra, os Knicks já perdiam por dígitos duplos quando Brunson foi para o vestiário. A situação da franquia nova-iorquina não estava legal, mesmo jogando dentro de casa, em Nova Iorque, viram os visitantes se sentirem a vontade demais e até colocar o pé em cima da mesa, eles fizeram.

Depois da derrota e com a temporada encerrada, os Knicks divulgaram o problema sofrido por Jalen Brunson. O atleta que teve médias de 33,7 pontos, 7,3 assistências e 3,6 rebotes nos playoffs, se juntou a uma lista repleta de jogadores importantíssimos para a equipe na temporada atual, fazendo com que Tom Thibodeau tivesse seus problemas para resolver a situação.

Além do camisa 11, Julius Randle, Mitchell Robinson, Bojan Bogdanovic, O.J. Anunoby e Josh Hart foram desfalques em alguns jogos desta série, dificultando a vida do torcedores da franquia nova-iorquina e da própria diretoria.

Fratura de Brunson

O armador Jalen Brunson até chegou a falar sobre o assunto, porque não entendia muito bem sobre o que tinha acontecido com a sua mão. Um dos pilares da equipe dos Knicks acabou tendo um choque com Tyrese Haliburton no terceiro quarto, fazendo com que ele fosse direto para o vestiário e depois retornasse, mas sem efetividade.

“Para ser sincero, pensei que tinha apenas travado (a mão). Olhei para baixo e sabia que algo estava errado.”, revelou Brunson.

Depois ele até falou um pouco sobre toda essa realidade dos Knicks na pós-temporada:

“Eu diria que há prós e contras na forma como joguei. Os prós, obviamente, são que joguei bem individualmente em alguns momentos dos playoffs. Os contras são que não joguei bem o suficiente para ajudar meu time a seguir em frente. Você pode dizer que me machuquei no jogo 7, não estava jogando bem no jogo 7. Tínhamos uma vantagem de 2 a 0 e 3 a 2 (na série), é difícil olhar as coisas individualmente quando você não ajuda seu time”, disse Brunson.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *