jalen brunson knicks sixers
NBA Basquete

Em outro duelo decidido no finalzinho, Knicks derrotam Sixers e fecham a série em 6 jogos

Parecia que o cenário do duelo anterior se repetiria. O New York Knicks vencia o Philadelphia 76ers apertado a poucos segundos do término da partida. Mas desta vez os novaiorquinos contaram com a cesta certeira de Josh Hart e a frieza de Jalen Brunson nos lances livres para não deixar escapar a vitória nesta quinta-feira (02) no Wells Fargo Center e fechar a série com vitória em seis jogos.

Os Knicks enfrentarão o Indiana Pacers, que passou pelo Milwaukee Bucks, na próxima rodada.

Knicks e Sixers mostraram ao longo da série o porquê da série ser apontada como uma das mais imprevisíveis dos playoffs, onde o placar agregado dos seis jogos ficou em incríveis 650×649 a favor dos vitoriosos.

Mais uma vez o nome do triunfo dos Knicks foi Brunson, que pela quarta partida anotou mais de 35 pontos, fechando o jogo 6 com 41 pontos e fazendo os duplos com 12 assistências. Donte DiVincenzo fez sua melhor exibição nesta pós-temporada com 23 pontos e 7 assistências, com 5 acertos do perímetro, 3 tocos e 3 roubos em nove tentativas nos 48 minutos em que ficou em quadra. Já Josh Hart beirou os triplos com 16 pontos, 14 rebotes e 7 assistências.

Pelos Sixers, Buddy Hield saiu do banco para recolocar os Sixers no jogo e terminou com 20 pontos, com 6 de 9 da linha dos três pontos. O cestinha da equipe foi Joel Embiid, que mesmo com 39 pontos e 13 rebotes teve atuação discreta no 4º quarto, com apenas 4 pontos no período. Tyrese Maxey foi outro a não repetir o desempenho dos jogos anteriores e terminou com 17 pontos, assim como Kelly Oubre Jr.

Momentos distintos

O 1º quarto foi todo dos Knicks, que imprimiram um ritmo alucinante e rapidamente abriram 22×9 em pouco mais da metade da parcial, conduzidos pelas cestas de Isaiah Hartenstein e de Brunson, além das bolas triplas e atuação defensiva de OG Anunoby.

A resposta dos Sixers viria no quarto seguinte em bolas certeiras do perímetro de Hield, que anotou 8 pontos seguidos e, aproveitando ainda da pontaria ruim do adversário, Philadelphia encostou no placar e, nos instantes finais, virou a partida e fechou o primeiro tempo em vantagem (54×51).

Assim, o equilíbrio e disputa intensa entre as equipes voltou a ser a tônica da até então partida atípica. Nova York estava zerado em pontos vindos do banco ao passo que Philadelphia já tinha 36 pontos dos bancários, ainda que os reservas dos Knicks fossem, literalmente, Mitchell Robinson e Miles McBride. Fruto da conhecida rotação encurtada adotada pelo técnico Tom Thibodeau.

Robinson, aliás, fez uma enterrada para frear o até então melhor momento dos Sixers na noite, tendo colocado a maior diferença no placar (71×61) antes de uma cesta tripla de DiVincenzo iniciar uma run de 9×2 para novamente o placar ficar apertado. Nicolas Batum e Brunson encerraram o 3º período com cestas triplas e o placar empatado em 83 pontos.

Emoção até os segundos finais

No 4º e decisivo período, o placar teve trocas de liderança nos primeiros seis minutos, graças às cestas de Brunson e Anunoby do lado novaiorquino, e de Embiid e de Maxey, que já estava mais confiante em quadra, pelos Sixers. Brunson, com outras duas cestas de três, fez os Knicks abrirem oito de frente (107×99) a pouco mais de 3 minutos do final.

No entanto, Philadelphia não se dava por vencido e logo cortou a diferença com bolas triplas de Maxey, que teve um and-one para empatar o duelo em 111×111. Mas aí brilhou a estrela de Hart que, com uma cesta tripla de frente pra cesta e com marcação cerrada, recolocar Nova York na frente a 25 segundos para o término.

Em seguida, Brunson e Maxey converteram seus lances livres e os 76ers tiveram a última chance nas mãos de Hield, mas seu arremesso ficou no aro e a temporada dos mandantes chegou ao fim.

Final: Philadelphia 76ers 115×118 New York Knicks (NYK vence 4-2)

Com o triunfo, Nova York avança para reviver na segunda rodada uma velha rivalidade da década de 1990 com os Pacers tendo a vantagem do mando de quadra. A data da primeira partida, no Madison Square Garden, ainda será definida pela NBA.

(Foto: Getty Images)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *