Sabalenka
Tenis Notícias Olimpíadas

Sabalenka confirma desistência das Olímpiadas de Paris: “Preciso cuidar da saúde”

A tenista Aryna Sabalenka confirmou a sua desistência das Olímpiadas de Paris. A número 3 do mundo resolveu colocar em foco outros pontos desta temporada, como o calendário oficial da WTA e sua saúde mental. A bielorrussa compartilhou essas movimentações nesta segunda-feira (17).

“Eu tenho que sacrificar alguma coisa. Nesta fase da minha carreira e principalmente com todas as lutas que tive nos últimos meses, preciso cuidar da minha saúde”, revelou Sabalenka.

Sem omitir ou se esconder, a bielorrussa deixou claro seus movimentos para não lutar por uma medalha de ouro para o seu país. Na visão dela, a sua sobrevivência na busca pela posição número 1 do ranking da WTA é mais importante, sem esquecer da saúda também, que tem sido algo bem delicado para ela nos últimos meses.

“Não vou jogar as Olimpíadas por causa das regras da WTA com torneios obrigatórios. Infelizmente tenho que sacrificar os Jogos”, disse a atual número 3 do mundo.

As partidas de tênis em Paris 2024 acontecerão nas quadras de saibro, um piso que já contou com a sua passagem na temporada atual. Por agora, a temporada de grama está se aproximando, mas na época das Olímpiadas, estará a chegar o US Open, Grand Slam que acontece nas quadras duras. O foco nesta competição, deve ser a movimentação esperada por Sabalenka.

“Prefiro descansar um pouco para ter certeza de que estou pronta fisicamente e de saúde para as quadras duras. É demais para mim e tomei a decisão de cuidar da minha saúde”, completou ela.

Além de Sabalenka

A tenista Aryna Sabalenka não foi a única a confirmar sua desistência das Olímpiadas de Paris, além dela, Ons Jabeur também seguiu seu caminho. Contemplando o top 10 do ranking da WTA, a tunisiana colocou como motivo principal a mudança de pisos, colocando a sua condição física em risco caso decidisse atuar na França:

“Após consultar minha equipe médica visando os Jogos Olímpicos de Paris 2024, decidimos que a rápida mudança de superfícies poderia colocar o meu joelho e o restante da temporada em risco, então, infelizmente, estou fora das Olimpíadas. Sempre amei representar meu país, mas preciso escutar meu corpo e minha equipe médica”, publicou Ons Jabeur.

Foto: REUTERS/Susana Vera