João Paulo, do Santos, faz cirurgia no tendão
Futebol Série B

Santos: Cirurgia de João Paulo é bem-sucedida, mas diretoria avalia contratação de goleiro para o restante da temporada

O goleiro titular do Santos, João Paulo, foi submetido a uma cirurgia para reconstrução do tendão de aquiles do tornozelo esquerdo, realizada neste domingo (26), no Hospital Albert Einstein, em São Paulo. Sob os cuidados do doutor Mauro Dinato, com a assistência do doutor Rodrigo Zogaib, coordenador médico do clube, a intervenção foi conduzida com sucesso, mas os desafios de recuperação devem deixá-lo afastado dos gramados por toda a temporada.

A expectativa é de que o goleiro receba alta nesta segunda-feira (27), mas sua volta aos treinos permanece incerta. O departamento médico do Santos indica que seu retorno só ocorrerá no Campeonato Paulista de 2025, porém, há uma pequena possibilidade de uma volta durante as rodadas finais da Série B do Brasileirão, caso sua recuperação supere as expectativas. Com 234 partidas pelo Peixe, o arqueiro é o segundo jogador mais experiente do elenco atual, perdendo apenas para o volante Alison, que acumula 273 jogos pelo clube.

A lesão teve origem em um lance que gerou muita polêmica durante o confronto contra o América-MG pela Série B, no qual o atacante Renato Marques aproveitou o momento em que o goleiro se contundiu para marcar um gol, resultando em intensos debates e reflexões sobre fair play e ética esportiva. A ausência de João Paulo coloca Gabriel Brazão, de 23 anos, em destaque como o goleiro titular do time. Contudo, a diretoria do Santos está ciente das incertezas em relação ao reserva imediato, Diógenes, e já cogita a possibilidade de buscar um novo goleiro para reforçar o elenco.

João Paulo lesionado durante América-MG e Santos
João Paulo recebendo primeiros atendimentos após lesão em América-MG e Santos pela 7ª rodada do Brasileirão Série B — Foto: Divulgação/Santos

Santos debate sobre contratação de um novo goleiro

A lesão de João Paulo desencadeou um debate interno sobre a necessidade de reforçar o setor de goleiros do Santos. As dúvidas sobre a capacidade de Diógenes como reserva imediato, especialmente após ser preterido por um jogador mais jovem, levantam questionamentos sobre a profundidade do elenco e a urgência de contratações durante a próxima janela de transferências.

Diógenes, que se destacou como titular na campanha do vice-campeonato da Copinha de 2022, atualmente ocupava a posição de terceiro goleiro do Peixe. No entanto, sua falta de experiência profissional levanta preocupações sobre sua prontidão para assumir o posto em caso de necessidade. A lesão de João Paulo expõe essa fragilidade no banco de reservas do Santos, tornando a busca por alternativas uma prioridade para a diretoria.

Diógenes, goleiro reserva do Santos
Diógenes, goleiro reserva do Santos — Foto: Pedro Ernesto Guerra Azevedo/Santos FC

Confiança em Gabriel Brazão

Apesar das incertezas sobre a reserva imediata, a comissão técnica do Santos demonstra plena confiança em Gabriel Brazão. Após uma estreia promissora contra o América-MG, o goleiro de 23 anos é elogiado pela postura e pelo desempenho nos treinamentos. Sua presença traz um certo conforto em meio às preocupações decorrentes da lesão de João Paulo, porém a necessidade de um plano de contingência para a posição de reserva permanece latente. A equipe terá os próximos dias, às vésperas da nova janela de transferências, para poder abrir negociações em busca de um novo nome para a meta, ou decidir se mantém Brazão titular.

Gabriel Brazão
Gabriel Brazão, goleiro titular do Santos durante a lesão de João Paulo — Foto: Raul Baretta/Divulgação Santos FC

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *