Júlio Casares São Paulo
Futebol Brasileirão

São Paulo: Casares detona arbitragem após empate com Palmeiras

Em entrevista ocorrida na zona mista após empate por 1 a 1 diante do Palmeiras, o São Paulo demonstrou muita indignação com a arbitragem no Morumbis. O tricolor paulista reclamou de três lances polêmicos os quais supostamente seriam determinantes para o resultado final.

O presidente Julio Casares criticou bastante a arbitragem e atacou muito o técnico Abel Ferreira, que não concedeu entrevista coletiva pós-jogo.Em um longo pronunciamento, o cartola protestou contra as marcações do árbitro Matheus Delgado Candançan que deixou de marcar um pênalti a favor do São Paulo mesmo com recomendação do VAR.

Aspas de Julio Casares, presidente do São Paulo

“Hoje é um conjunto desastroso. Hoje foi um absurdo, a Federação Paulista não pode atuar dessa forma, eu vi agora o auxiliar do árbitro xingando o Calleri, vi o auxiliar do Abel rindo e ironizando, chega do Abel apitar jogo Paulistão.

Hoje foi uma vergonha o que vimos no Morumbi. Primeiro um pênalti absurdo e depois o arbitro foi ao VAR no pênalti do Luciano e se acovardou. Olha, a agressão ao Pablo que quase arrebenta o moleque era para vermelho direto, ele deu amarelo, mas e o VAR? Se omitiu. Vamos reagir! Aqui no Morumbi não acontece mais isso. O Abel tinha que ter sido expulso, ele apitou o jogo. Ele expulsou alguém do nosso banco.”

Tricolor paulista com risco de eliminação precoce

Independentemente dos protestos contra a arbitragem, o São Paulo acabou não garantindo a sua classificação para as quartas de final do Paulistão com uma semana de antecedência por conta do empate e dos resultados da rodada.

Com o empate por 1 a 1, o tricolor paulista visitará o Ituano (que briga contra o rebaixamento) no próximo domingo com a necessidade inicial de empate ou vitória, dependendo dos resultados simultâneos. O jogo decisivo será realizado a partir das 16h, pelo horário de Brasília.

Imagem: Reprodução

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *