Zubeldía São Paulo
Futebol Brasileirão

São Paulo: Zubeldía assume culpa por goleada, mas acrescenta: “Tudo é solucionável”

O São Paulo perdeu novamente neste último sábado (22), desta vez diante do Vasco em São Januário, por um placar elástico. A goleada do Cruzmaltino por 4 a 1 coloca a equipe paulista em lençóis piores do que os já utilizados, abrindo espaço para o técnico Luis Zubeldía assumir a responsabilidade pelo vexame.

Na visão do treinador, o Tricolor Paulista até começou bem no Rio de Janeiro, mas a queda de rendimento foi fator incontestável a partir da abertura do placar. O São Paulo fez 1 a 0 com André Silva no primeiro tempo, mas viu a equipe carioca se encontrar no jogo e virar o placar ainda nos 45 minutos iniciais.

“Parece que, a princípio, tivemos nossos momentos, ficamos na frente do marcador. Creio que o segundo tempo o gol antes de terminar o primeiro tempo nos golpeou um pouco. Mas tenho a sensação que de início tivemos a inciativa, fizemos gol e na hora de controlar o jogo temos algo pendente. Depois dos 25 (minutos) o rival teve as oportunidades, aproveitou e o resultado se foi. A responsabilidade é 100% nossa como corpo técnico e vamos tratar de corrigir rápido”, disse Zubeldía sobre o São Paulo de ontem.

Sem considerar um caso isolado esse acontecimento diante do Cruzmaltino, o treinador deixou claro que a equipe paulista já está atuando mal faz um tempo. Depois de ter vivido uma sequência de invencibilidade na casa das 13 partidas, já perdeu para Cuiabá e Vasco, sem sentir o gosto do triunfo há quatro jogos.

“Possivelmente a diferença seja um pouco anímica, seja tática e tudo é solucionável. Hoje conseguimos abrir o placar rápido, contra o Corinthians também e sinto que podemos manejar melhor o tempo. Não estamos fazendo e isso é uma tarefa minha com a equipe. Não tomar gols no fim do primeiro tempo… São coisas que acontecem e precisamos corrigir para crescer como equipe”, relatou Zubeldía.

“Depois de um 4 a 1 não é o suficiente falar isso. Mas é trabalhar para não voltar a acontecer isso. Necessita tempo. Começamos ganhando, empatando, na Libertadores. Agora temos que assumir. Assim como nas boas, temos que assumir nas ruins. Assim é o futebol”, completou o treinador do São Paulo.

Expectativa sobre o São Paulo

É claro que desistir não é uma opção, e Zubeldía falou sobre isso, na sua crença de que o São Paulo conseguirá aprender com seus erros e se levantar, depois de duros golpes sofridos. Ficando distante da parte de cima, o tricolor paulista é o oitavo colocado no momento, com 15 pontos somados nesta altura do Brasileirão.

“Creio que tenho muita experiência em equipes e sinto que nessa situação sentem para crescer. Vínhamos todos muito bem e se acontece isso nessa altura do campeonato tem que nos servir como trampolim para crescer como equipe. Vejo assim. Das coisas más, dos resultados ruins com a dor da alma, temos que crescer como equipe”, declarou ele.

Foto: Wagner Meier/Getty Images