Pedrinho Vasco da Gama
Futebol Brasileirão

Vasco da Gama: Mais de 10 jogadores estão com luvas atrasadas

O Vasco da Gama deve bônus relacionados a transferências para mais de 10 jogadores do elenco atual. Na terça-feira, o presidente do clube, Pedrinho, declarou que sua administração está empenhada em quitar essas dívidas com os atletas e também com outros clubes, referentes a pagamentos atrasados de transferências.

“As luvas estão atrasadas desde o ano passado. Já estamos estruturando financeiramente o clube. Honrando com salários em dia. Vamos fazer isso até o fim do ano. Estou levando responsabilidade.” disse Pedrinho.

Pedrinho tem duro caminho pela frente no Vasco da Gama

A gestão de Pedrinho assumiu o comando da SAF no dia 15 de maio, por uma decisão liminar da Justiça que ainda está em vigor. A empresa 777, que anteriormente administrava o futebol do Vasco, costumava destacar que sempre pagou os salários pontualmente. No entanto, a atual diretoria associativa agora revela dívidas deixadas pela empresa com jogadores e outros clubes, acrescentando mais um capítulo à disputa política.

Recentemente, a diretoria do Vasco chegou a um acordo com o Nacional, do Uruguai, para quitar uma dívida pendente relacionada à compra do lateral Puma Rodríguez. O clube carioca estava em risco de ser penalizado com um banimento de transferências pela FIFA, devido a essa pendência, que totalizava cerca de R$ 300 mil.

A informação foi publicada primeiramente pelo canal “Atenção, Vascaínos”

No ano passado, o Vasco da Gama recebeu uma notificação da FIFA devido a atrasos no pagamento ao Nacional por parcelas da transferência de Puma. Na época, a dívida era de US$ 900 mil (aproximadamente R$ 4,3 milhões) com o clube uruguaio, além de uma multa de US$ 18 mil (cerca de R$ 86,5 mil) por conta dos atrasos.

Em setembro de 2023, o clube foi punido com um banimento de transferências, mas conseguiu quitar as dívidas no mês seguinte.

Em entrevista coletiva após a aprovação do potencial construtivo de São Januário na Câmara, Pedrinho disse que fez um mapeamento de dívidas do futebol vascaíno.

“Hoje, o mercado está seguro. Nós mapeamos todo o cenário de atraso de luvas, atraso de comissões para começarmos a pagar todo mundo que devemos.” disse Pedrinho.

“A gente já está estruturando há muito tempo operação financeira para honrar todos os compromissos e dar estabilidade. É isso que estou fazendo. Já identificado o problema da SAF, nós estamos honrando com salários em dia, nós pagamos luvas atrasadas e vamos continuar fazendo isso até o final do ano. O que estou levando para o clube é estabilidade, financeira e de gestão. O mercado pode estar seguro, estou avisando ao mercado lá de fora, hoje temos estabilidade.” completou.

Próximo compromisso do Vasco da Gama

Enquanto a administração trabalha para solucionar questões extracampo, o Vasco acabou derrotado pelo Juventude nesta quarta-feira (19) no estádio Alfredo Jaconi. Sob o comando de Álvaro Pacheco, o clube ainda não conquistou vitórias em seus quatro jogos como treinador.

(Foto: Reprodução)