Porsche WEC
Automobilismo WEC

WEC: Porsche aproveita desclassificação da Ferrari e conquista a pole em Spa; Iron Dames faz história na LMGT3

Nesta sexta-feira (10), tivemos a classificação para as 6 horas de Spa da WEC, no circuito de Spa-Francorchamps, na Bélgica, e algumas surpresas ocorreram durante a sessão.

Na categoria Hypercars, Antonio Fuoco, com sua Ferrari AF Course 499P de número 50, marcou o tempo de 02:02.600s, garantindo a primeira posição. Ele foi seguido de perto pela Porsche Penske 963 de número 5, pilotada por Matt Campbell, que ficou apenas 0,5s atrás do tempo de Fuoco. Na terceira posição, uma grata surpresa, Alex Lynn garantiu a melhor posição de largada para a Cadillac Racing, colocando o carro de número 2 na terceira colocação.

No entanto, após conquistar sua segunda pole position consecutiva na pista, Antonio Fuoco e a equipe do carro de número 50 se viram no fim da fila para as 6 horas de Spa-Francorchamps da WEC.

Nas inspeções pós-sessão da FIA, foi documentado que o Ferrari 499P de número 50 estava abaixo do peso mínimo permitido. Isso significava que todos os tempos das sessões classificatórias foram apagados, colocando o carro na última colocação, o que atrapalhou muito os planos do trio, que hoje ocupa a 5ª posição na classificação geral do campeonato.

Com os tempos apagados, todos os outros carros ganharam uma posição, e assim temos a Porsche Penske N°5, que herda a primeira posição, seguida pelo Cadillac da Chip Ganassi, que corre com o número 2.

(Foto: Twitter Porsche Motorsport)

O resultado do Hyperpole da categoria Hypercars foi o seguinte:

1° – Ferrari AF Course N° 50 – 2:02.600 (DESCLASSIFICADO)

2° – Porsche Penske N° 5 – 2:03.107

3° – Cadillac Racing N° 2 – 2:03.115

4° – Proton Competition (Porsche) N° 99 – 2:03.314

5° – Hertz Team Jota (Porsche) N° 12 – 2:03.384

6° – Porsche Penske N° 6 – 2:03.448

7° – Toyota Gazoo Racing N° 8 – 2:03.572

8° – Alpine Endurance N° 35 – 2:03.685

9° – AF Course (Ferrari) N° 83 – 2:04.048

10° – BMW M Team WRT N° 20 – 2:04.062

Iron Dames faz história com a primeira pole feminina na WEC

Sarah Boey Iron Dames WEC
(Foto: Twitter Iron Dames)

Na LMGT3, tivemos uma surpresa agradável. Depois da primeira vitória feminina na história do WEC com Lilou Wadoux em 2023, as 6 horas de Spa trouxeram também a primeira Pole Position feminina da história do WEC.

Sarah Bovy, correndo em casa, cravou para a Iron Lynx, em sua Lamborghini Huracan, o tempo de 2:20.775s, ficando 0,337s à frente do segundo melhor tempo, que partiu da McLaren 720s da United Motorsports, pilotada por Joshua Caygill. Por ironia do destino, ela ficou 0,046s à frente do terceiro carro, a BMW M4 da Team WRT, pilotada por Brendan Hartley, mas que tem o número 46 como inscrição e Valentino Rossi como segundo piloto.

O resultado do Hyperpole da categoria LMGT3 foi o seguinte:

1° – Iron Lynx (Lamborghini Huracan) N°85 – 2:20.775

2° – United Motorsports (McLaren 720s) N°95 – 2:21.092

3° – Team WRT (BMW M4) N°46 – 2:21.138

4° – Manthey EMA (Porsche 911) N°91 – 2:21.285

5° – United Motorsports (McLaren 720s) N°59 – 2:21.293

6° – Heart of Racing Team (Aston Martin Vantage) N°27 – 2:21.350

7° – Vista AF Course (Ferrari 296) N°54 – 2:21.583

8° – TF Sport (Corvette Z06) N°81 – 2:22.215

9° – Akkodis ASP Team (Lexus RC F) N°78 – Sem Tempo

10° – Manthey Purexracing (Porsche 911) N°92 – Sem Tempo

A corrida da WEC acontece neste sábado, com largada às 08:00 da manhã no horário de Brasília, com transmissão completa pelo YouTube, seja pelo portal “Grande Prêmio” ou “Esportes na Band”, além das tradicionais transmissões ao vivo de algumas equipes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *