Zverev
Tenis Notícias Roland Garros

Por cansaço, Zverev oficializa desistência em Stuttgart e dá lugar a Gasquet

O alemão Alexander Zverev sentiu o desgaste da sua batalha de cinco sets com Carlos Alcaraz na disputa pelo título em Roland Garros. Nesta terça-feira (11), o tenista oficializou a sua desistência em Stuttgart por conta do cansaço no Grand Slam. Apesar da grande campanha em Paris, ele não foi capaz de conquistar o seu primeiro título num torneio deste escalação.

“Joguei muito tênis nas últimas semanas e cheguei à final em Paris, onde joguei cinco sets difíceis. Sinto que meu corpo não está pronto para passar do saibro para a grama agora”, afirmou Zverev, que antes do vice em Paris havia conquistado o título no Masters 1000 de Roma.

O alemão é atual número 4 do mundo, sendo o segundo com mais pontos somados nesta temporada até então. Zverev só não teve capacidade de superar Jannik Sinner neste quesito, principalmente pelo fato do italiano estar imparável. Até o momento, é o Cenourinha, o líder do ranking e quem está na ponta da tabela para atuar no ATP Finals.

Alexander Zverev conta com 44 partidas disputadas em 2024, na presença de 34 vitórias e 10 derrotas. Ele seria o cabeça de chave número 1 na sua terra natal, mas estará dando lugar para o veterano francês Richard Gasquet. Entrando como lucky-loser, tendo de estrear na segunda rodada diante do Brando Nakashima, que derrubou Eubanks para chegar nesta ocasião.

“É uma pena para o torneio e para os fãs de tênis em Stuttgart que Alexander Zverev não possa jogar este ano. Lutamos muito nos últimos dois dias para garantir que ele chegasse ao torneio na quinta-feira, conforme planejado”, comentou o diretor do torneio Edwin Weindorfer.

“No entanto, devido ao número de jogos que disputou últimas semanas com a vitória em Roma e a final em Roland Garros, onde encarou três partidas de cinco sets, sua decisão é até certo ponto compreensível. Esperamos receber Zverev em Stuttgart no próximo ano”, acrescentou o diretor do torneio.

Atuação de Zverev

O alemão Alexander Zverev está assumindo uma posição não convencional em suas partidas, foi possível notar neste último Grand Slam. O tenista se apresenta de uma forma mais leve, na intenção de entender melhor o jogo, sem buscar imprimir um volume ou uma certa ofensividade, na busca apenas de “colocar a bola em quadra”.

Nessas ocasiões, ele tem saído atrás no placar, como se estivesse “sacrificando” um set inicial, que em algumas situações, pode ser vital para o decorrer do confronto. Foi assim com Casper Ruud, saiu atrás, mas buscou a virada, entretanto, a situação não foi a mesma com Carlos Alcaraz. Diante do espanhol, começou perdendo, virou o confronto, mas o jovem número três do mundo se recuperou e conquistou o título em Roland Garros.

Foto: Peter Staples/ATP Tour