Stroll
Automobilismo Fórmula 1

Fórmula 1: Renovação de Stroll pela Aston Martin está perto, diz Buxton

Lance Stroll e Aston Martin estão próximos de anunciar a renovação do vínculo com o canadense. A informação vem de Will Buxton, apesar de termos a certeza da continuidade do piloto após a aquisição da equipe pelo seu pai, Lawrence Stroll. Lance não vem tendo uma boa temporada, porém nunca correu risco de ser substituído.

Stroll chegou na equipe em 2019, quando ainda se chamava Racing Point, fez toda a transição para a nova equipe. Com uma nova fábrica inaugurada no ano passado e com o número de funcionários dobrando em comparação com a era da Racing Point, esperava-se que a Aston Martin avançasse rumo a vitórias em grandes prêmios e desafios pelo campeonato, mas esse objetivo parece estar cada vez mais longe.

 

Manutenção da equipe

A dupla de pilotos da Aston Martin será a mesma para os próximos anos, já que Lance tem um lugar cativo, após a venda da equipe não se concretizar, e Fernando Alonso ter anunciado um novo contrato multianual. Mike Krack confia que a experiência do espanhol, somado a velocidade de Stroll podem ser a chave para o sucesso no novo regulamento, momento em que eles trocarão para os motores Honda.

Até o momento, Stroll ocupa o 11º lugar na tabela de condutores, somando 17 pontos, enquanto o bicampeão Alonso, soma 33 pontos na 9ª posição. A Aston Martin está em quinto lugar no campeonato, e atualmente é a melhor equipe de meio de pelotão, sem oferecer riscos aos líderes.

 

Helmut Marko critica Stroll

Helmut Marko, conselheiro da Red Bull, levantou questionamentos sobre a determinação e o comprometimento de Lance Stroll, piloto da Aston Martin, para obter resultados consistentes na Fórmula 1. Reconhecido por suas declarações diretas, Marko expressou ceticismo quanto ao nível de empenho de Stroll ao comentar sobre suas capacidades como piloto.

“Eu me lembro de sua corrida muito boa que levou ao seu pódio em Baku com a Williams em 2017, e eu me lembro dele tirando a pole position de nós (Red Bull) na Turquia em 2020, desde então, ele teve seus altos e baixos. Algumas corridas muito boas e outras muito comuns. Eu me pergunto se ele realmente quer ser um piloto e se ele trabalha muito duro para alcançar bons resultados” disse o suíço em entrevista.

(Foto: Divulgação/Aston Martin)