Vina Grêmio
Futebol Brasileirão Outras ligas

Grêmio: Vina releva desejo de retornar ao clube gaúcho; atacante tem contrato vigente

O Grêmio está na busca de atacantes para reforçarem o seu elenco nessa próxima janela de transferências. Por coincidência, um antigo conhecido, Vina manifestou seu desejo de retornar ao clube gaúcho, porém, a situação não é fácil. Com contrato vigente com Al-Hazm, da Arábia Saudita, ele não fez questão de esconder sua vontade de retornar ao Imortal.

“É futebol. A gente tem que ir por etapas, eu tenho contrato ainda na Arábia, mas, se tiver esse contato, respeitando os jogadores que lá estão, se eu puder reintegrar (o elenco do Grêmio), eu chego para somar e para ajudar. É o que eu penso”, revelou o ex-Grêmio.

Por mais que Vina seja meia-atacante, o profissional já demonstrou em diversas oportunidades a sua capacidade de atuar em diversos lugares diferentes do campo. Quando estava no Tricolor Gaúcho, foi utilizado como atacante de referência, assim como ocorreu no Ceará, destinos em que ele conseguiu se destacar no futebol brasileiro.

A equipe gaúcha está pronto para desbravar o mercado de transferências, na busca de um atleta para disputar posição com Diego Costa. Diante da saída iminente de JP Galvão no fim de seu contrato, o Grêmio tem avaliado algumas opções, que já passaram por Deyverson, Rodrigo Muniz já foi cotado antes de começar a brilhar em Londres e entre outros.

O contrato de Vina com o clube asiático tem fim em dezembro deste ano, tendo a oportunidade de fechar um pré-contrato. O problema é que, a vontade do Grêmio seria de contar com o atleta de imediato, caso fosse atrás dele, precisando conversar com a equipe da Arábia Saudita para liberá-lo.

Grêmio na Libertadores

O Grêmio conseguiu correr atrás de todo o seu prejuízo, venceu o Huachipato e empatou com o Estudíantes, ficando na segunda colocação do seu grupo na Libertadores. Ao terminar nesta posição, o clube gaúcho terá de enfrentar o Fluminense nas oitavas da competição, em busca da conquista da Glória Eterna. É interessante lembrar que o Tricolor Carioca é o atual campeão da Libertadores, porém, não está sendo visto como um time a ser temido, principalmente pelo atual momento na temporada.

Foto: Pedro H. Tesch/Agif/Gazeta Press

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *