Toni Kroos Alemanha
Futebol Eurocopa La Liga

Kroos se emociona em carta de despedida e pede desculpas a Pedri

O meia Toni Kroos teve a sua despedida dos gramados forçada nesta última sexta-feira (5), ao ser derrotado pela Espanha nas quartas de final da Eurocopa 2024. A premissa era colocar um ponto final no Real Madrid e na seleção, mas depois do pedido de Julian Nagelsmann, decidiu por um “The Last Dance”. Neste sábado, o incrível meio-campista postou uma carta de despedida em suas redes sociais.

Pontuando sobre seu retorno a seleção alemã há pouco menos de um ano, e também, colocou em pauta o apoio dos torcedores, apesar da eliminação sofrida para os espanhóis. Com o torneio acontecendo na Alemanha, era possível notar a dedicação dos profissionais conciliando com o apoio da torcida presente nos estádios.

Campeão mundial quando o torneio estava no Brasil, outro ponto levantado por Kroos em sua carta, foi a lesão de Pedri, que acabou contando com a participação do eterno camisa 8. Logo no início do confronto, o jogador do Barcelona teve uma entorse no joelho e teve de sair para a entrada de Dani Olmo, consequentemente, ele está fora da Euro 2024 pelo problema.

“O meu telefone tocou em 29/09/2023. Quem estava telefonando: Julian Nagelsmann. Pedido: Regresso à seleção nacional. O primeiro pensamento na minha cabeça: ‘Não sou estúpido!’. O primeiro pensamento do meu coração: ‘Sim, porra!’. Como todos sabemos, é o coração que decide. O meu primeiro pensamento nesta manhã de 6 de julho de 2024: Estou contente por ter feito isso, apesar de toda a tristeza e vazio desde o apito final de ontem. Sempre vi mais na equipe do que aquilo que tem mostrado nos últimos anos. Mas não esperava que fosse possível, num espaço de tempo tão curto, ter uma hipótese realista de conquistar o título e voltar a estar no mesmo nível dos melhores! É por isso que estou muito orgulhoso do que esta equipe conseguiu! E toda a Alemanha também pode voltar a estar. Um agradecimento especial a todos os que fizeram dessa Eurocopa em casa um evento especial. Vivemos e sentimos! Pessoalmente, gostaria de agradecer a todos o carinho e a simpatia muito especiais que nos deram nas últimas semanas. Foi muito especial. E, finalmente, um pedido: Agora que a Alemanha reconquistou o seu filho preferido – não o deixem escapar! O percurso desta equipe continua. E é uma ajuda brutal se apoiarem mesmo nas fases ruins! Porque posso garantir a vocês uma coisa: este é um grupo de grandes pessoas que dão tudo para ter sucesso! Ainda muito importante para mim: perdão e melhoras em breve ao Pedri! Logicamente que não foi minha intenção machucá-lo. Uma rápida recuperação e o melhor para você. É um grande jogador”, disse Toni Kroos em sua carta.

Toni Kroos para o futebol

Impossível não colocar Kroos como um dos principais meio-campistas da história do futebol, principalmente pela sua grandiosa carreira na seleção e nos times pelo qual passou. Com mais de 700 jogos com a camisa do seu país, conseguiu conquistar 33 títulos pelo Bayern de Munique e Real Madrid, com a presença de seis Champions League e seis Mundiais de Clube nessa conta.

É claro, que é difícil esquecer da Copa do Mundo de 2014, em que o Brasil tomou 7 a 1 da Alemanha nas quartas de final. Esse mundial também caiu no colo de Toni Kroos e da seleção germânica.

Todos os títulos de Kroos

  • Copa do Mundo FIFA: 2014
  • Champions League: 2013, 2016, 2017, 2018, 2022 e 2024
  • Supercopa da Europa: 2014, 2015, 2017, 2018 e 2023
  • Mundial de Clubes: 2014, 2015, 2017, 2018, 2019 e 2023
  • La Liga: 2017, 2020, 2022 e 2024
  • Bundesliga: 2008, 2013 e 2014
  • Supercopa da Alemanha: 2013
  • Supercopa da Espanha: 2018, 2020, 2022 e 2024
  • Copa do Rei: 2023
  • Copa da Alemanha: 2008, 2013 e 2014

Foto: Kai Pfaffenbach/Reuters