Eurocopa, Kylian Mbappé
Eurocopa Futebol

Mbappé reclama sobre como é jogar de máscara: ” É um horror absoluto”

Na véspera do confronto entre França e Bélgica pelas oitavas de final da Euro 2024, o atacante Kylian Mbappé participou de uma coletiva de imprensa. O camisa 10 e capitão da seleção francesa compartilhou suas impressões sobre jogar com a máscara de proteção facial e expressou claramente o quanto a utilização do dispositivo o incomoda:

“Eu não sabia, mas jogar com uma máscara é um horror absoluto, mudei porque toda vez que experimentava uma nova não funcionava” — afirmou.

O novo reforço do Real Madrid testou quatro modelos diferentes de máscaras de proteção em busca da melhor opção para continuar jogando pela seleção francesa na Eurocopa. O atacante fraturou o nariz na partida de estreia do torneio e precisou ser substituído na vitória da França sobre a Áustria.

A continuidade de Mbappé na Eurocopa esteve ameaçada, pois os médicos franceses consideraram a possibilidade de uma cirurgia. Caso a operação fosse realizada, ele perderia os jogos seguintes da França durante o período de recuperação. Por esse motivo, Mbappé e a comissão técnica decidiram que ele usaria a máscara de proteção para poder seguir atuando na competição.

“É muito complicado, limita a visão, o suor fica bloqueado, é preciso tirá-la para que pingue”, descreveu Mbappé.

“Assim que puder tirar vou tirar, mas não tenho escolha, minha competição vai ser assim, só posso jogar assim. É chato, mas tenho que agradecer pela máscara” — acrescentou Mbappé.

Após a lesão, Mbappé permaneceu no banco de reservas na partida contra a Holanda, mas retornou aos campos no jogo contra a Polônia. Usando a máscara de proteção, ele marcou o gol da França no empate contra os poloneses com uma cobrança de pênalti.

 

Próximo compromissos da Seleção Francesa de Mbappé

O camisa 10 estará de volta nesta sexta-feira (05) para o confronto da França contra o vencedor de Romênia X Holanda nas quartas de final da Euro. A partida começa às 16h (horário de Brasília).

(Foto: Reuters)