Felipe Drugovich, piloto da Aston Martin
Automobilismo Fórmula 1

F1: Negociação entre Williams e Drugovich não avançam e piloto pode ir para a Indy

Piloto reserva da Aston Martin nos últimos dois anos, o brasileiro Felipe Drugovich e a equipe Williams não avançaram nas negociações e o piloto novamente deve ficar de fora da Fórmula 1 em 2025. Porém, poderá se transferir para outra categoria conhecida do público com pilotos como Hélio Castroneves e Tony Kanaan.

Uma das grandes esperanças do Brasil de voltar a ter um piloto na F1 por uma temporada completa, algo que não ocorre desde 2017 após a aposentadoria de Felipe Massa, Drugovich vinha negociando com Williams e Sauber para a próxima temporada da categoria, mas segundo a repórter Julianne Cerasoli, do UOL, não deve fechar com nenhuma das equipes para 2025.

”Ele não está como prioridade ou entre os favoritos a uma vaga em nenhuma das duas equipes. Na Williams, com certeza ele não é prioridade, mas na equipe Sauber, pode ser que tenha prioridade” .

Indy aparece como alternativa para Drugovich

Assim como aconteceu em 2023, uma ida para a Fórmula Indy ressurge como uma boa alternativa para Felipe Drugovich caso as portas da Fórmula 1 se fechem mais uma vez. Na pré-temporada do ano passado, o piloto teve uma proposta de equipes da categoria para correr nas pistas norte-americanas, porém, o brasileiro resolveu assinar o contrato como piloto reserva na Aston Martin por mais duas temporadas.

Drugovich está com um bom orçamento e não quer ficar mais um ano na F1 sendo piloto reserva. Ele tem uma possibilidade bastante boa na Fórmula Indy e ele pode negociar com mais tranquilidade, esgotar todas as possibilidades com a F1 e procurar algo em todas as equipes do grid…ir atras do Stefano Domenicali (CEO da Categoria) para ter algum tipo de apoio para um piloto brasileiro, para ajudar na parte política. Drugovich estaria numa boa posição de ter uma vaga no grid se o mercado não estivesse tão maluco”.

Em meio às dúvidas sobre sua permanência na reserva da Aston Martin ou uma possível ida para a Fórmula Indy, Felipe Drugovich segue na disputa da European Le Mans Series, que terá etapa no próximo final de semana no circuito de Imola, na Itália.

Foto: Mark Sutton / Motorsport Images