leila pereira presidente do palmeiras 171544
Futebol

Corinthians, novo patrocínio e Abel Ferreira; veja tudo da polêmica entrevista de Leila Pereira

(por Layo Lucena)Nos últimos dias, Leila Pereira virou protagonista novamente no futebol nacional. A presidente do Palmeiras e dona da Crefisa deu uma entrevista coletiva onde falou sobre inúmeros temas polêmicos.Um dos tópicos abordados pela dirigente foi sobre outra equipe do futebol nacional: o Corinthians. Sobre o rival paulista, Leila duvidou dos números de patrocínio do Timão revelados pelo ‘GE’ na última quarta-feira, 11. Segundo o site, o Corinthians arrecadou  R$ 123 milhões em espaços vendidos em seu uniforme. Enquanto a Crefisa paga R$ 81 milhões como investidor master do Palmeiras.“Não posso dizer que a camisa de um clube é R$ 123 milhões, você viu o contrato? Você não viu. Então como pode falar que a camisa de um clube vale R$ 123 milhões porque falaram?”, comentou Leila.“Tem que ser responsável, tem que ter a certeza de que vale. Prove que (por) essa camisa do Corinthians estão pagando R$ 123 milhões. Mostrem o papel, que eu pago R$ 123 milhões. Quero que comprove que essas empresas pagam R$ 123 milhões por ano.“Temos contrato e vamos honrar até o final. Vou ser candidata à reeleição no Palmeiras e, se o associado tiver confiança no meu trabalho e eu for reeleita, terei o maior prazer de continuar patrocinando. Nós vamos fazer um BID, uma concorrência, desde que seja uma empresa que existe e que ofereça algo sério de verdade”, disse a dirigente.Leila afirmou que, a partir de 2025, o Palmeiras poderá ter um novo patrocinador. O contrato entre a equipe e a Crefisa se encerra em 2025. Porém, a dirigente revelou que ainda “não chegaram propostas”.“Até hoje não chegou nada. Estou sempre aberta a propostas, mas o que desejo é que finalize o nosso contrato de patrocínio em dezembro de 2024 e só então que vamos abrir para novas empresas que queiram patrocinar o Palmeiras”, afirmou Leila.Abel FerreiraAo falar sobre outro assunto além do futuro do Palmeiras, Leila respondeu sobre a permanência de Abel Ferreira.A dirigente confirmou que tem planos de renovar o contrato do treinador, que tem vínculo com o clube até 2024. Uma aproximação foi feita pelo Palmeiras aos representantes do português, no entanto Abel não respondeu.“O Abel tem contrato conosco até dezembro de 2024. Conversei com ele, sim, que é um desejo muito grande que tenho que ele fique comigo até o final do meu segundo mandato, se eu for reeleita. Ele não fala que sim e nem que não, mas eu vejo que o Abel está muito feliz aqui no Palmeiras”, disse Leila.“Não tenho dúvida que ele (Abel) também fica chateado, que alguns têm a memória muito curta. Abel é o maior treinador da história do Palmeiras, mas ele não tem obrigação de vencer todos os campeonatos. Eu volto a falar da violência. Se chega nos atletas, na presidente, claro que ele tem receio que chegue nele.”AviãoUm ponto muito lembrado por torcedores do clube e rivais é o polêmico avião do Palmeiras. E a dirigente precisou explicar sobre a aquisição da aeronave, afirmando: “O dinheiro é meu”.“Esse avião é meu. Não usei recursos do Palmeiras. O dinheiro é meu, eu comprei o avião”, acrescentou Leila. “Eu ando em avião particular, um Falcon 8X, e nossos atletas viajaram em avião fretado, que além de ser caríssimo, você fica à disposição da companhia aérea e isso me incomodava muito. A presidente viajava a hora que quer e os atletas ficavam nesse problema com a malha aérea. Eu resolvi comprar o avião, com meu dinheiro, para que meus atletas pudessem viajar a hora que quiserem.“Só em economia neste período, foram R$ 3 milhões. Onde há conflito de interesse quando eu que ponho o dinheiro?”, completou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *