Ferrari
Automobilismo Fórmula 1

Ferrari mostra atualizações no SF-24 em sessão de filmagens em Fiorano

Nesta sexta-feira (10), a Ferrari utilizou sua popular pista privada de Fiorano para algumas sessões de filmagens, revelando as atualizações do carro que disputará o GP de Imola na próxima semana.

Algumas alterações são facilmente perceptíveis, enquanto outras passam despercebidas, mas quais são as principais mudanças? Sidepods e entradas de ar.

A primeira coisa a mencionar é que a Fórmula 1 como um todo está seguindo uma das tendências mais cruciais dos últimos anos em termos de design e aerodinâmica, e a Ferrari é prova disso, pois se tornou a segunda equipe de 2024 a implementar de forma efetiva e visível uma entrada de ar horizontal em seu Sidepod.

Seguindo a mesma direção que a Red Bull Racing tomou com o RB20, “evoluindo” a infame ideia do Mercedes W13, a Ferrari incorporou essas entradas horizontais, sem retirar ou deformar o formato atual de seu Sidepod. Pelo contrário, suavizou ainda mais as linhas da parte superior e inverteu a aleta de entrada de ar, ao invés de permanecer abaixo com a entrada virada para cima, a aleta subiu e “escondeu” a entrada de ar.

Este design já se mostrou eficaz com a equipe da RBR. Ao aumentar a área quadrada das entradas, é possível fazer alterações no sistema de resfriamento do motor devido ao aumento do volume de ar dentro do compartimento. Isso pode significar uma perda de peso com a diminuição dos componentes, uma mudança no centro de gravidade e efeito de lastro, graças ao reposicionamento, e até mesmo uma faixa de mapeamento de potência maior devido a um resfriamento mais efetivo.

Por outro lado, enquanto as linhas superiores se tornaram mais suaves, as inferiores se tornaram mais agressivas, com um corte generoso na parte inferior que altera significativamente o fluxo de ar ao redor do carro, tendendo a gerar menos arrasto, mas uma pressão aerodinâmica maior do que a versão anterior.

Até mesmo as hastes dos espelhos sofreram alterações para redirecionar o fluxo de ar do carro de forma mais eficiente, reduzindo o arrasto.

O desempenho da Ferrari com as atualizações

Embora em pequenos testes em sua pista privada a Ferrari não consiga criar parâmetros de comparação, as simulações são promissoras. Espera-se uma melhoria de tempo de cerca de 0,3s a 0,4s, o que pode refletir ainda mais no ritmo de corrida.

A McLaren atualizou em Miami e a RBR anunciou que também fará atualizações em Imola. Uma coisa é certa: podemos esperar uma SF-24 muito mais agressiva e veloz para o restante do campeonato.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *