Fernando Diniz, Fluminense
Futebol Brasileirão

Suspenso, Fernando Diniz não comandará Fluminense em Fla-Flu que poderá definir seu futuro na equipe

Tendo consolidado seu pior início de Campeonato Brasileiro desde o início da disputa em pontos corridos, o Fluminense não terá Fernando Diniz no comando da equipe para o clássico contra o Flamengo, no próximo domingo, pela 11ª rodada. Suspenso logo depois de receber seu terceiro cartão amarelo, a ausência se evidencia justamente num confronto que poderá definir seu futuro no comando tricolor.

Diante de uma possível demissão do técnico, a direção do Fluminense não costuma tomar decisões de cabeça quente e sinalizou que nenhum movimento será realizado antes do desembarque da delegação no Rio de Janeiro, às vésperas do Fla-Flu no final de semana. A pressão sobre Diniz aumentou após a derrota da equipe para o Cruzeiro em Belo Horizonte e sua permanência dependerá do desempenho que o Tricolor apresentar neste domingo. Um novo revés até o momento não crava a saída, porém, deixa evidente que uma nova atuação abaixo do esperado lhe deixará num beco sem saída.

Presidente do Fluminense banca permanência

Apesar da pressão de boa parte da torcida pela saída de Fernando Diniz do comando, o presidente do Fluminense Mário Bittencourt, conhecido por não gostar de demitir treinadores, tem bancado a continuidade do profissional à frente da equipe e acredita na recuperação do time neste Brasileirão. Tendo sido voto vencido ao se manifestar de maneira favorável a permanência de Diniz na primeira passagem do técnico pelo Tricolor em 2019, onde ele acabou demitido por pressão do então vice-presidente Celso Barros, Bittencourt renovou o contrato do treinador recentemente e mostrou confiança no treinador. O apoio do elenco também tem sido um trunfo para segurá-lo.

Mesmo com todo o apoio nos bastidores entre diretoria e atletas, o clima tem ficado insustentável para a continuidade de Diniz devido aos últimos resultados no campeonato. O Fluminense é atualmente o lanterna da Série A com 6 pontos e apenas uma vitória em 10 jogos, tendo assim o seu pior início num Brasileirão desde o começo da era de pontos corridos. A situação que pode se confirmar caso o Vitória derrote o Atlético-MG esta noite em Salvador, tem incomodado torcedores do Fluzão cada vez mais e o jogo de domingo, deverá ser novamente marcado por protestos. O Fluminense recebe o Flamengo no Maracanã, às 16h (de Brasília).

Fernando Diniz em coletiva
Fernando Diniz em entrevista coletiva após Cruzeiro 2 x 0 Fluminense — Foto: Marcelo Gonçalves/FFC

Foto: Marcelo Gonçalves/FFC