Zubeldía durante São Paulo e Cruzeiro
Futebol Brasileirão

Zubeldía admite jogo ruim do São Paulo contra o Cuiabá: ‘o adversário foi melhor’

Luis Zubeldía enfrentou sua primeira derrota como técnico do São Paulo. A derrota pôs fim a uma sequência invicta de 13 jogos, 12 dos quais sob o comando de Zubeldía. Avaliando francamente o desempenho de sua equipe após a derrota por 1 a 0 para o Cuiabá no Morumbis, o técnico não deu desculpas, afirmando que o time jogou mal.

“Hoje jogamos mal. Em alguns momentos do segundo tempo, mostramos alguma iniciativa, mas, no geral, tivemos um desempenho fraco. O adversário se sentiu confortável. E quando isso acontece, provavelmente vamos perder, como aconteceu. Nosso desempenho foi abaixo do esperado, todos nós. Não nos sentimos confortáveis na partida. Temos que admitir que o adversário foi melhor.

É inesperado porque as últimas partidas foram muito competitivas, tanto contra o Inter quanto contra o Corinthians. Hoje, isso não aconteceu. O adversário se sentiu confortável. Não conseguimos encontrar soluções. Acredito que nosso desempenho foi abaixo de nossa capacidade, sem dúvida. É um campeonato longo. Imagino que isso possa acontecer, mas não esperávamos que acontecesse hoje. Agora, temos que nos preparar para o próximo. Não temos tempo para comemorar ou dramatizar.”

Para gerenciar o desgaste, Zubeldía começou a partida sem jogadores importantes como Lucas, Nestor e Luiz Gustavo, que só entraram no segundo tempo, mas não conseguiram fazer uma diferença significativa. Giuliano Galoppo, Michel Araújo e Wellington Rato começaram o jogo, mas Zubeldía se incluiu entre os que tiveram baixo desempenho.

“Lucas foi uma questão de estar sempre em campo. Pela minha experiência e a de quem trabalha comigo, jogar quatro partidas seguidas é complicado. Ele deveria jogar alguns minutos hoje e depois a próxima partida. Ele é explosivo, especialmente considerando seu histórico. Temos que ter cuidado, não exagerar. Precisamos controlar o desgaste físico. Falei com ele, e ele entende isso. O que ele mais quer é ajudar a equipe.

Incluo a comissão técnica, me incluo, tivemos um rendimento baixo. O resultado não foi casualidade. Foi consequência do rendimento abaixo. Hoje, em todo momento, não jogamos bem. E em grande parte da partida, jogamos mal. É muito difícil ganhar uma partida assim.

Jogamos mal. Foi um pouco de tudo. Nosso rendimento foi abaixo do padrão. Taticamente e estrategicamente, fomos surpreendidos. É difícil verificar o aspecto anímico. Mas jogamos mal. Vamos resumir a isso. Depois, teremos pouco tempo para ver o porquê. O adversário jogou bem,” afirmou.

Zubeldía e a situação do São Paulo no Brasileirão

A derrota impediu o São Paulo de entrar na zona de classificação para a Libertadores, ocupando a sétima colocação no Brasileirão. A equipe, que chegou ao seu terceiro jogo seguido sem vencer no campeonato, enfrenta o Vasco fora de casa na próxima rodada para tentar a recuperação.