Botafogo John Textor
Futebol Brasileirão

John Textor ataca Palmeiras após suposto interesse em Júnior Santos

Nesta terça-feira (23), John Textor apareceu nas redes sociais para alfinetar o Palmeiras ao comentar uma notícia sobre possível interesse do alviverde na contratação de Júnior Santos, atacante do Botafogo.

A informação divulgada pela ESPN Brasil movimentou as redes sociais na manhã desta terça-feira, com Textor mandando o Palmeiras comprar jogadores “em outro lugar”. Além disso, o CEO norte-americano provocou e afirmou que o elenco do Botafogo prefere disputar jogos de 11v11.

John Textor não esconde mágoa com Brasileirão 2023

Ou seja, o CEO da SAF alvinegra não escondeu que segue muito incomodado com o desfecho do Brasileirão 2023, principalmente na virada histórica do Palmeiras diante do Botafogo com o placar de 4 a 3 no Estádio Nilton Santos.

Mesmo com mais de dois meses após a disputa do jogo válido pela 31ª rodada, o Botafogo segue preso ao passado alegando que a expulsão do zagueiro Adryelson, ocorrida após intervenção do VAR, consistiu em uma tentativa bem sucedida de manipulação de resultado favorável ao Palmeiras.

“Não é para cartão vermelho, ele mudou o jogo. Isso é corrupção, isso é roubo. Por favor, me multem, Ednaldo, mas você precisa renunciar amanhã de manhã. É isso que precisa acontecer. Esse campeonato se tornou uma piada”, disse John Textor na época.

Cabe ressaltar que o Botafogo contratou a empresa francesa “Good Game” no ano passado para analisar todos os supostos erros de arbitragem na competição. O relatório que indicava que o alvinegro carioca deveria somar mais dez pontos na tabela de classificação e que o alviverde deveria ficar com 13 pontos a menos foi rapidamente engavetado pelo STJD.

Palmeiras: Tentativa de criar rivalidade inexistente

Em nota curta enviada à imprensa durante o início da tarde desta terça-feira (23), o Palmeiras desmente a informação da ESPN Brasil e afirma que nunca houve interesse pela contratação de Júnior Santos.

Além disso, o alviverde aponta que o Botafogo está tentando “criar uma rivalidade que não existe” entre os dois clubes. No entanto, cabe relembrar também que a comemoração dos jogadores e da torcida alviverde no título brasileiro de 2023 foi recheada de provocações ao clube carioca.

Imagem: Reprodução

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *